sexta-feira, 6 de setembro de 2013

WORKSHOP “O MERCADO DE ARTE” NO POP - POLO DE PENSAMENTO CONTEMPORÂNEO

De 19 de setembro a 24 de outubro o POP - Polo de Pensamento Contemporâneo realizará o Workshop “o mercado de arte com os renomados profissionais Felipe Scovino (curador), Paulo Sergio Duarte, Márcio Botner, Max Perlingeiro, Janaína Melo e Humberto Farias de Carvalho.

O workshop apresenta e discute o panorama do mercado de arte e das artes visuais na contemporaneidade a partir de importantes agentes que compõem e articulam este cenário.

Serão abordados temas como o circuito da arte, curadoria e crítica, arte e educação, formação de coleção e conservação. É destinado a todos os interessados em atuar neste cenário de ampliação do mercado de arte no Brasil.

O valor do investimento do Workshop “o mercado de arte é de R$ 600,00 e os associados ABACT têm 25%: R$ 450,00.

PROGRAMAÇÃO:

19 de setembro
O circuito da arte com Felipe Scovino

Os agentes que constituem o circuito de artes; as diferenças entre instituições públicas e privadas; a galeria não apenas como um agente do mercado, mas também como meio de educação e cultura; bienais, feiras de arte e exposições institucionais: o lugar de cada uma delas neste circuito e o seu diálogo com o mercado.
Felipe Scovino é professor da Escola de Belas Artes da UFRJ e curador independente. Organizador dos livros Arquivo Contemporâneo (2009) eCildo Meireles (2009). Escreveu ensaios sobre arte contemporânea para as revistas ArtReview, ThirdText,Flash Art, Arte & Ensaios, entre outras. Foi ganhador da bolsa de Estímulo à Produção Crítica (Funarte) em 2008. 

26 de setembro
Curadoria e crítica com Paulo Sergio Duarte

Curadoria no Brasil e no mundo. As práticas curatoriais contemporâneas. A diferença entre a função do crítico e a do curador. Os distintos modelos de curadoria e a atuação do curador (galeria, museu, feira de arte, bienais e trienais). Modos de experimentação na prática curatorial.
Paulo Sergio Duarte é crítico, professor de história da arte e pesquisador da Universidade Candido Mendes na qual dirige o Centro Cultural Candido Mendes. Publicou, entre outros, Arte Brasileira Contemporânea – um prelúdio (2008), A Trilha da Trama e outros textos sobre arte (2004), Carlos Vergara (2003), Waltércio Caldas(2001) e Anos 60 – Transformações da arte no Brasil(1998). 

3 de outubro
Mercado de arte contemporânea com Márcio Botner

Cenário da arte contemporânea no Rio de Janeiro, com foco na ampliação de um novo contexto de produção, circuito e mercado. O papel multifacetado de artista, galerista e produtor cultural.
Márcio Botner é artista e galerista. Foi professor da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, e, atualmente, é vicepresidente da Associação de Amigos da Escola de Artes Visuais. Faz parte do comitê de seleção da feira de arte Miami Basel desde 2010. É um dos fundadores da galeria A Gentil Carioca com os artistas Ernesto Neto, Franklin Cassaro e Laura Lima em 2003. Com Pedro Agilson, formou a dupla Botner & Pedro em 2003. 

10 de outubro
Mercado, atuação da galeria e formação de coleção com Max Perlingeiro

O colecionismo, para além de um gosto pessoal, significa a construção de um pensamento e, em muitos casos, a adequação de “diferenças”, que, unidas, tendem a promover uma coerência. O papel do marchand e da galeria no auxílio ao colecionador.
Max Perlingeiro é engenheiro, editor e empresário no setor de cultura. Diretor das empresas Pinakotheke, Rio de Janeiro; Pinakotheke, São Paulo, e Multiarte, em Fortaleza. É especialista na administração de relevantes coleções particulares no Brasil.  

17 de outubro
Mediação cultural, arte e educação com Janaína Melo

Para quem a arte se destina? A associação direta entre museu e as práticas educacionais. O museu como o lugar do aprendizado. A relação entre público e obra de arte cada vez mais se tornando um diálogo e não um estranhamento: o lugar do mediador cultural. A galeria e o museu como espaços de reflexão e produção de conhecimento.
Janaína Melo é historiadora formada pela UFMG e pós-graduada em artes. Trabalhou no Museu de Arte da Pampulha, foi curadora de arte e educação do Instituto Inhotim, professora da Escola Guignard e, atualmente, é gerente de educação do Museu de Arte do Rio (MAR). 

24 de outubro
Conservação de obras com Humberto Farias

Noções sobre conservação e restauro de obras. A durabilidade e manutenção de uma obra de arte. Como preservar uma obra de arte contemporânea cujos materiais, muitas vezes, são efêmeros?
Humberto Farias é professor do curso de Conservação e Restauração de Bens Móveis da Escola de Belas Artes da UFRJ. Atua profissionalmente na área de restauro e conservação. Atualmente é membro da Comissão Cultural do Instituto Brasil Estados Unidos e da Diretoria da Associação Brasileira de Conservação e Restauração (ABRACOR).

POP - Polo de Pensamento Contemporâneo é um espaço de estudos, discussão e convívio, onde se realizam cursos e palestras, localizado na Rua Conde Afonso Celso, 103, Jardim Botânico, no Rio de Janeiro.

Informações: (21) 2286-3299 e 2286-3682.


Foto/arte/informação: Reprodução-divulgação Assessoria de Imprensa do POP - Polo de Pensamento Contemporâneo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário