quinta-feira, 1 de setembro de 2016

RESTAURANTE PONTAL DO CABO APRESENTA PROJETO VINHOLADA NESTA QUINTA-FEIRA ÀS 20H

Vinho e violão, uma mistura perfeita e sem contraindicação. É o que sugere o projeto ‘Vinholada’, que promete reunir amantes da bebida sagrada e da boa música paraibana. O ritual que está marcado para acontecer nesta quinta-feira, às 20h, no Restaurante Pontal do Cabo, promete reunir músicos de vanguarda e talentos da nova safra de cantores e compositores que tem se destacado no movimento da música popular da Paraíba. O acesso custa apenas R$10,00(no local e na hora do evento) e garante o direito a participar de promoção de vinhos.

SOBRE

VINHOLADA – A base do show ‘Vinholada’ vai reunir os jovens músicos Zé Neto, Gabriella Grisi e Renan Uchoa que nesta primeira edição irão homenagear o Mestre Fuba, incorporando ao repertório suas principais e mais conhecidas canções, a exemplo de Porta do Sol.

GABRIELLA GRISI iniciou seus estudos musicais aos 14 anos na escola de música Anthenor Navarro, estudando canto lírico, piano e teoria musical. Além de cantar e compor, Gabriella é autodidata no violão, e toca outros instrumentos como o piano, escaleta e ukulelê.
 
Formada em música com habilitação em canto popular pela UFPB, a cantora realizou o show Cravo e Canela, na estação Cabo Branco, e Usina Cultural Energisa. Estará lançando no segundo semestre de 2016 o seu EP "Cravo e Canela" com composições de sua autoria e de outros artistas.
 
ZÉ NETO é poeta, violeiro e cantador paraibano. Compositor desde os quinze anos de idade, possui uma obra de aproximadamente 200 músicas. Já muito novo, despertou olhares de artistas interessados em sua obra. Com poemas cristalizados na voz de Lucy Alves em seus shows e seu DVD. Também compôs um dos sucessos da banda Os Gonzagas, a música "Passarinho" em parceria com Gabi Grisi.

JÁ RENAN UCHÔA, logo aos 10 anos começou o interesse pela música, onde aprendeu a tocar cavaquinho e violão em rodas de samba. Fundou algumas bandas, dentre elas a Soul Brasil, na época em que morou em Gold Coast-Austrália (2009), tocou nos arredores da costa leste australiana, abriu shows como o de Marcelo D2 e conquistou uma matéria na revista FLUIR como melhor festa brasileira na Austrália. Após estadia de 1 ano, retornou ao Brasil e fundou a Banda Tal de Xote, que abriu shows como o de Nando Reis, Flávio José, Jorge de Altinho, entre outros artistas de renome nacional. Hoje em dia, segue no ramo da composição e planeja lançar seu primeiro EP ainda em 2016. Suas influências musicais abrangem vários estilos, carregando sempre o samba e ritmos da Black music.

Fonte: Assessoria de imprensa Restaurante Pontal do Cabo
 
Fotos/crédito: Thayse Gomes

Nenhum comentário:

Postar um comentário