quarta-feira, 22 de novembro de 2017

INSTITUTO LING APRESENTA EXPOSIÇÃO DE SÉRVULO ESMERALDO


De 28 de novembro a 31 de março de 2018, o Instituto Ling apresenta PulsationsPulsações - Do arquivo vivo de Sérvulo Esmeraldo, primeira exposição póstuma do artista cearense,falecido em fevereiro deste ano, pouco antes de completar 88 anos. A exposição mostra uma das trajetórias mais originais da arte brasileira: conhecido por seu rigor geométrico-construtivo, Esmeraldo incursionou pela escultura, a gravura, a ilustração e a pintura, tendo sido um dos pioneiros da arte cinética e autor de obras de geometria e luminosidade singulares. A mostra, com curadoria de Ricardo Resende, traz 84 peças - entre gravuras, matrizes, desenhos, estudos, relevos, maquetes, instalações, documentos e fotografias - que fazem parte do arquivo do IAC - Instituto de Arte Contemporânea (São Paulo/SP). Por ocasião da abertura da exposição, na terça-feira, 28 de novembro, às 19h, o curador Ricardo Resende e Dodora Guimarães- viúva do artista e sua companheira por quase 40 anos -, farão uma conversa aberta com o público sobre a obra de Sérvulo Esmeraldo. A entrada é franca, por ordem de chegada (mais informações no serviço abaixo).

Organizada a partir do arquivo de Sérvulo Esmeraldo - atualmente sob a guarda do IAC -, a exposição compreende a fase em que o artista viveu na França (1957-1980). Este arquivo documental e de acervo de Esmeraldo ficou guardado intacto por cerca de 40 anos no ateliê do artista e amigo argentino Júlio Le Parc, em Paris. O material permite mostrar que, por trás do artista que soube manter o espírito da criança em seu interior, existia um pensador comprometido com a pesquisa das linguagens artísticas. "Os arquivos são fonte inesgotável de informações, de experiências e vivências do processo criativo. Guardam o processo da obra e, com ele, é possível conhecer o pensamento do artista", diz Resende em seu texto curatorial. A mostra no Instituto Ling também tem origem na exposição O Arquivo Vivo de Sérvulo Esmeraldo, realizada em 2014, no IAC.

PulsationsPulsações joga luz sobre o rico processo criativo do artista em seus primeiros anos na França, uma fase de aprendizado, de iniciação nas técnicas da gravura em metal e litografia. Contempla os desenhos e as gravuras em metal que compõem esse período europeu, sob a influência do abstracionismo lírico que vigorava na capital francesa naquele momento, que seria uma resposta à Action Painting nova-iorquina. É acompanhada, ainda, de uma seleção de esculturas e de duas pinturas posteriores a essa fase, quando explorou a topologia das coisas e formas.

"São trabalhos definitivos para a compreensão da importância de sua contribuição para a arte brasileira. O que se vê no arquivo agora exposto é esse mesmo olhar e os mesmos gestos divagantes, que passam por todas as formas de representação artística, principalmente daquelas que não conhecemos. Manchas, ranhuras, rabiscos e linhas, pulsações das quais saem novas formas sobre o papel e sobre o espaço", diz Resende em seu texto curatorial. Para saber mais, acesse o texto curatorial completo aqui: https://goo.gl/6DCAaf

A exposição é organizada pelo Instituto Ling e o IAC - Instituto de Arte Contemporânea de São Paulo, com patrocínio da Crown Embalagens e realização do Ministério da Cultura / Governo Federal.

SOBRE

ARTISTA

Sérvulo Esmeraldo nasceu em 27 de fevereiro de 1929 no Crato, Ceará. Na infância morou no Engenho Bebida Nova, propriedade rural da família, produtora de açúcar mascavo, aguardente e rapadura. Ainda criança, fez incursões pela modelagem em barro e pequenos trabalhos tridimensionais em madeira de casca de cajá, onde reproduzia paisagens rurais. Aos 13 anos, criou sua primeira xilogravura, "Homem trabalhando com enxada", impressa na tipografia do jornal A Ação, órgão da diocese.

Em 1950, participou do VI Salão de Abril (Scap) com as pinturas "Marinha", "Noturno" e "Trecho de Rua" e o desenho "Passando a chuva", e foi premiado. Também participou do Salão Paulista de Arte Moderna, na Galeria Prestes Maia, com xilogravuras e ganhou o Prêmio de Aquisição. Aos 28 anos, fez sua primeira individual, "30 gravuras de Sérvulo Esmeraldo", no Museu de Arte Moderna de São Paulo. Em 1959, participou da V Bienal Internacional de São Paulo com gravuras.

Na década de 60, ganhou uma bolsa de estudos do governo francês para estudar em Paris, na École Nationale Supérieure des Beaux-Arts. Nessa época, passou a morar em Neuilly-Plaisance - onde viveu por quase 20 anos - e conheceu artistas como o argentino Julio Le Parc e o venezuelano Jesús Rafael Soto, que então davam os primeiros passos na chamada arte cinética. Deixou de se dedicar exclusivamente à gravura e passou a experimentar outras linguagens como o tridimensional e, claro, a arte cinética. Sua série mais conhecida do período é Excitáveis -- objetos feitos de acrílico, que reagem ao toque do espectador - trabalho que o destacou no cenário da arte cinética internacional.

Na França encontrou o pintor cearense Antônio Bandeira e conviveu com outros nomes de igual relevância para a arte brasileira, como Vicente do Rego Monteiro, Lygia Clark, Sérgio Camargo, Franz Krajcberg, Arthur Luiz Piza, Flávio Shiró e Rossini Perez -- convívio definitivo para sua formação intelectual e estética. Também encontrou o artista russo Serge Poliakoff, que, além de amigo, foi seu colaborador. Sérvulo estudou gravura no ateliê de Litogravura da École e gravura em metal no ateliê do artista alemão Johnny Friedlaender (1912-1992), mestre e um dos inovadores no uso da cor. Também se deparou com a obra gravada do artista alemão Albrecht Dürer (1471-1528).

Em paralelo, o artista se engajou na luta contra a ditadura no Brasil, tendo atuado no grupo de resistência América Latina Não Oficial, que ajudava refugiados do regime militar.

Em 1976, realizou sua primeira grande escultura pública, "Marco da Construção do Emissário Submarino", em Fortaleza. Em 1983, recebeu o Prêmio Melhor Escultor do Ano e Melhor Expositor do Ano pela ABCA. Em 1986, realizou a memorável exposição "I Exposição Internacional de Esculturas Efêmeras", no Parque Ecológico do Cocó, em Fortaleza, repetida com grande sucesso em 1991.

Entre muitas exposições realizadas com sua obra nos últimos anos, destacam-se a retrospectiva "Sérvulo Esmeraldo", na Pinacoteca do Estado de São Paulo, em 2011, e a individual "Arquivo vivo de Sérvulo Esmeraldo", no Instituto de Arte Contemporânea (SP), em 2014, exposição que deu origem à mostra no Instituto Ling, em Porto Alegre, em 2017.

Sérvulo Esmeraldo faleceu em fevereiro de 2017, em Fortaleza. Criou até o seu último momento de vida, pouco antes de completar 88 anos de idade, deixando um legado dos mais inquietantes da arte brasileira dos séculos XX e XXI.

CURADOR

Ricardo Resende, mestre em História da Arte pela ECAUSP, tem carreira centrada na área de museologia e curadoria. De 1988 a 2002, trabalhou no MAC/USP e no MAMSP, nas funções de arte-educador, produtor de exposições, museógrafo, curador assistente e curador de exposições. De 1996 a 2017, foi curador do Projeto Leonilson. De março de 2005 a março de 2007, foi diretor do MAC do Centro Cultural Dragão do Mar, em Fortaleza. De janeiro de 2009 a junho de 2010, ocupou o cargo de diretor do CAV da Funarte, MinC. De 2010 a 2014, trabalhou como diretor Geral do CCSP. Foi curador da mostra retrospectiva de Sérvulo Esmeraldo na Pinacoteca do Estado de São Paulo, em 2011. Desde 2014 é curador do Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea, no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA

Assistente de Curadoria: Vinícius Marangon

Identidade Visual: Adriana Tazima

Produção Executiva: Laura Cogo

Organização: Instituto Ling e Instituto de Arte Contemporânea

Realização: Ministério da Cultura / Governo Federal

Patrocínio: Crown Embalagens

INSTITUTO LING

Criado e mantido pela família Ling desde 1995, o Instituto Ling é uma instituição sem fins lucrativos voltada para a transformação da sociedade através da educação e da cultura.

O Instituto Ling atua em três segmentos: Educação, Cultura e Saúde. Sua missão é promover o desenvolvimento humano e a evolução da sociedade através da disseminação de diferentes formas do conhecimento, da liberdade de pensamento, da valorização da cultura e da saúde. A abertura de seu Centro Cultural em Porto Alegre, no ano de 2014, ampliou e solidificou a atuação do Instituto, firmando-o como centro de referência na disseminação do conhecimento e do livre- pensar, fomentador da educação de excelência em seus múltiplos formatos e provedor de serviços e produtos culturais diferenciados, com elevado padrão de qualidade e estética.

Na área da saúde, o Instituto Ling estabeleceu parceria com o Hospital Moinhos de Vento, em 2015, para a implantação de um centro de referência no tratamento do câncer em Porto Alegre.

A família Ling, mantenedora do Instituto, é proprietária da "holding company" Évora. O grupo empresarial produz e comercializa latas de alumínio para bebidas, não-tecidos de polipropileno (usados principalmente na produção de descartáveis higiênicos) e tampas plásticas para bebidas e produtos de higiene e beleza.

Acesse: www.institutoling.org.br

SERVIÇO:

Exposição PulsationsPulsações - Do arquivo vivo de Sérvulo Esmeraldo

Artista: Sérvulo Esmeraldo

Curadoria: Ricardo Resende

Local: Galeria do Instituto Ling

Abertura: 28 de novembro, terça-feira, às 19h

Palestra com o curador Ricardo Resende e Dodora Guimarães, viúva do artista. Local: Auditório. Entrada franca (lugares limitados. Entrada por ordem de chegada, com distribuição de senhas 30min antes do início da palestra)

Período de visitação: De 28 de novembro de 2017 a 31 de março de 2018

Horário: de segunda a sexta, das 10h30min às 22h e sábados, das 10h30min às 20h

Entrada Franca

Agendamento grupos e escolas: solicitações pelo e-mail educativo@institutoling.org.br ou pelo fone (51) 3533-5700

Endereço: Rua João Caetano, 440 | Bairro Três Figueiras | Porto Alegre

Fone: 51 3533-5700 | E-mail: instituto.ling@institutoling.org.br

http://www.institutoling.org.br/index.php/exposicoes.html

Fonte: Assessoria de Imprensa – Foto-crédito: Leonard De Selva - Legenda: Sérvulo Esmeraldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário