domingo, 7 de outubro de 2018

IATA ANUNCIA NOVA SECRETÁRIA CORPORATIVA PARA 2019



A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA - International Air Transport Association) anunciou sua nova Secretária Corporativa, Karen Clayton, que assumirá em abril de 2019. Karen Clayton vem da Air New Zealand, onde ocupa o cargo de Secretária Corporativa e Diretora Jurídica desde 2016.

Como Secretária Corporativa, Clayton garantirá a integridade da estrutura de governança da IATA, incluindo a administração da Diretoria da IATA e seus diversos comitês. O Conselho de Diretores da IATA é eleito por seus 290 membros e composto por CEOs de 31 companhias aéreas e pelo Diretor Geral e CEO da IATA.

Como membro da Equipe de Liderança Estratégica da IATA, Karen também apoiará o Diretor Geral e CEO, com orientações e sugestões sobre os planos estratégicos e as iniciativas da IATA para o setor.

Karen assumirá a função de Secretária Corporativa da IATA, antes ocupada por Paul Steele, que atualmente é o Secretário Corporativo e Vice-Presidente Sênior de Membros e Relações Externas da IATA. Quando Karen começar na nova função na IATA em abril de 2019, Steele se concentrará em fortalecer as atividades de advocacy da IATA e continuará em seu cargo de Vice-Presidente Sênior de Membros e Relações Externas.

"Karen tem experiências ricas que vão garantir a gestão eficaz e contínua dos processos de governança da IATA. Além disso, seu conhecimento sobre o setor, liderança nos aspectos de diversidade e inclusão e experiência em reuniões estratégicas contribuirão para o sucesso geral da IATA no cumprimento da sua missão de representar, liderar e atender às companhias aéreas globais", disse Alexandre de Juniac, Diretor Geral e CEO da IATA.

"No período em que estive na Air New Zealand, tive a oportunidade de verificar a importância dos padrões globais da IATA para impulsionar inovações e possibilitar a conectividade aérea internacional. No ano que vem na equipe da IATA, espero contribuir para o valor que a IATA cria e apoiar as necessidades dos seus membros", disse Karen.

Nascida no Reino Unido, Karen é formada em direito pela Universidade de Sheffield e possui um diploma de prática jurídica pela Universidade de Exeter. Ela foi aprovada como advogada na Inglaterra e no País de Gales em 1999. Depois de trabalhar em escritórios de advocacia no Reino Unido e na Austrália no início de sua carreira, Karen entrou para a advocacia corporativa, onde atuou como diretoria jurídica e secretária corporativa na National Grid Plc, e depois como diretoria jurídica da Mercury. NZ Ltd, antes de ingressar na Air New Zealand. Ao longo de sua carreira, Karen tem sido uma forte defensora da diversidade e inclusão.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário