quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

FILME SOBRE ULTRAJE A RIGOR ESTREIA DIA 31/01



Ultraje a Rigor despontou durante os anos 1980 como uma das principais bandas de rock no Brasil. Com mais de 35 anos no cenário musical do país, os acontecimentos, as glórias e as dificuldades desta trajetória são contadas no documentário “Ultraje”.

O filme constrói o histórico dos 15 discos do grupo em ordem cronológica com depoimentos de componentes de todas as épocas. São fatos que aconteceram com o grupo desde a primeira formação com Roger no vocal, Leôspa na bateria, Sílvio no baixo e Edgard Scandurra na guitarra, até a atual com Roger, o baterista Bacalhau, o baixista Mingau e o guitarrista Marcos Kleine.

Dirigido por Marc Dourdin e com depoimentos de André Midani, Pena Schimidt, Liminha e Rafael Ramos, “Ultraje” participou da edição de 2018 do Festival In-Edit, do Festival MIMO de Cinema 2018 e do 8º CINERAMABC e este é o quarto longa do diretor e o primeiro sobre música.

A trilha sonora traz os grandes sucessos do Ultraje a Rigor, como “Nós vamos invadir sua praia”, “Marylou”, “Ciúmes”, “Pelado” e “Inútil”, que teve problemas com a censura na época de seu lançamento. Com coprodução do Canal Brasil e distribuição da Elo Company, o documentário estreia dia 31 de janeiro em 20 salas de 19 cidades do país pelo Projeta às 7, parceria da Cinemark com a distribuidora que abre uma nova janela para o cinema nacional.

Sobre

SINOPSE
O documentário conta a história do Ultraje a Rigor, um dos mais influentes e irreverentes grupos da história do rock brasileiro, desde o sucesso de “Inútil”, hino das Diretas Já, passando por diversas formações e transformações até os dias atuais, revelando uma trajetória de mais de três décadas de fidelidade ao rock'n'roll.

FICHA TÉCNICA
Direção: Marc Dourdin
Produção: Sérgio Kieling e Marc Dourdin
Co-produção: Canal Brasil
Produção executiva: Sérgio Kieling
Roteiro: Daniel Chaia
Direção de fotografia: Jay Yamashita
Direção de produção: Eduardo Scandaroli e Mariama Palhares
Som direto: Gus Pereira
Montagem: Vitor Alves Lopes
Artes gráficas: David Schmidt Cardoso
Mixagem: Rodrigo Ferrante
Finalização de imagem: MISTIKA
Pesquisa de imagem: Remier Lion e Vinícius Fracchetta
Distribuição: Elo Company
Depoentes: Roger Rocha Moreira, Edgard Scandurra, Carlo Bartolini, Leospa, Maurício Defendi, Sérgio Serra, André Midani, Pena Schmidt, Liminha, Heraldo Paarmann, Flávio Suete, Sérgio Petroni, Cacá Prates, Rafael Ramos, Bacalhau, Mingau, Marcos Kleine, Junior Valadão, Solange Macedo.
NOTA DO DIRETOR
“De certa forma, o Ultraje foi atravessando e se adaptando a toda uma mudança na história do rock nacional e do mercado fonográfico como um todo ao longo de seus mais de 35 anos de história. O filme mostra isso, e em muitos momentos pontua o que estava acontecendo no Brasil durante todo esse período.”
Marc Dourdin é um diretor que atua no mercado audiovisual desde 2002. Dirigiu quatro documentários de longa-metragem - “Futebol de Várzea” (2011), “Monstros do Ringue” (2015), “Ultraje” (2018) e “Histórias Cruzadas” (2018) -  e um curta-metragem documentário, “A Passagem” (2011). Recebeu prêmio de público na 39ª Mostra Internacional de Cinema de SP pelo documentário “Monstros do Ringue”, e prêmio de melhor curta documentário no festival Vale Curtas 2011 pelo filme “A Passagem”. Na TV, dirigiu duas séries para o Sesc TV.

CRÍTICAS E COMENTÁRIOS
“O filme é muito bem feito e conta em detalhes a trajetória da banda, um dos grandes fenômenos de venda do rock brasileiro dos anos 80”. - UOL - Blog do Barcinski

ULTRAJE A RIGOR
A banda surgiu em 1982 com a formação inicial que contava com o vocalista Roger, o baterista Leôspa, o baixista Sílvio e o guitarrista Edgard Scandurra e ganhou o nome de Ultraje a Rigor pela brincadeira com o trocadilho. Ao longo dos anos novos músicos fizeram parte do grupo até chegar a formação atual, com Roger no vocal, Bacalhau na bateria, Mingau no baixo e Marcos Kleine na guitarra. Ultraje a Rigor tem mais de 35 anos de carreira e mais de 15 discos e coletâneas, que somam sucessos como “Inútil”, considerado o hino das Diretas Já, “Nós vamos invadir sua praia”, “Marylou”, “Ciúmes” e “Pelado”.

ELO COMPANY
Empresa especializada em produção e distribuição audiovisual fundada por Ruben Feffer, Flavia Feffer e Sabrina Nudeliman. No mercado há 13 anos, conta com uma estrutura completa de desenvolvimento de conteúdo, curadoria, planejamento de distribuição e vendas nacionais e internacionais. São mais de 400 títulos em seu lineup, entre eles “O Menino e o Mundo”, “S.O.S: Mulheres Ao Mar 2”, e o documentário “Espaço Além: Marina Abramovic e o Brasil”, além de títulos de importantes produtoras brasileiras, como RT Features, Paranoid e Ananã. Seu longa mais recente é "Tito e os Pássaros", exibido em grandes festivais como o de Annecy, Toronto e Los Angeles, além de ser premiado no Anima Mundi e pré-indicado ao Oscar de 2019.
A Elo Company tem entre seus principais objetivos conectar produções brasileiras com o mercado internacional e desenvolver novos modelos de negócios, como o Selo ELAS e Projeta às 7, iniciativa em parceria com a Cinemark que começou em maio de 2018 com o objetivo de ressaltar o cinema nacional e já lançou mais de 14 filmes dos mais diversos gêneros – do terror ao documentário esportivo.
PROJETA ÀS 7
Com início em maio de 2018, a iniciativa da Cinemark e Elo Company abriu uma nova janela para o cinema brasileiro. Desde seu surgimento já foram lançados nos cinemas mais de 14 longas que são de diversos gêneros, vindos de norte a sul do Brasil, dirigidos por homens e mulheres consagrados ou iniciantes. Em 2019, pelo Projeta às 7 serão lançados 21 filmes seguindo o DNA de diversidade da iniciativa.
As sessões dos filmes participantes têm sessões de segunda a sexta-feira, às 19h, com preços especiais de R$ 12 (inteira) e exibição simultânea em 20 salas de cinema em 19 cidades do Brasil: São Paulo (Shoppings Eldorado e Santa Cruz), Rio de Janeiro (Downtown), Aracaju (Shopping Jardins), Belo Horizonte (Pátio Savassi), Brasília (Pier 21), Campinas (Iguatemi), Campo Grande (Shopping Campo Grande), Cuiabá (Shopping Goiabeiras), Curitiba (Shopping Miller), Goiânia (Shopping Flamboyant), Londrina (Boulevard Londrina), Natal (Midway Mall), Porto Alegre (Barra Sul), Recife (Riomar), Ribeirão Preto (Novo Shopping), Salvador (Salvador Shopping), Santos (Praiamar), São José dos Campos (Colinas) e Vitória (Shopping Vitória).
Foto/Crédito: Mamute Filmes – Legenda: Roger Moreira, vocalista do Ultraje a Rigor, é entrevistado para o documentário sobre a banda.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário