quarta-feira, 15 de maio de 2019

CRIANÇAS COM PERDA DA AUDIÇÃO COLOREM AS ESCULTURAS DA EAR PARADE



Crianças que receberam implantes cocleares tiveram uma manhã de artista. O grupo foi convidado pela Cochlear, líder mundial em implantes auditivos, e o Instituto Escuta para pintar uma das esculturas feitas em gesso em formato de orelha, a qual integra a Ear Parade, primeiro evento de arte urbana do mundo focado na prevenção da surdez.

Sob a supervisão do artista plástico, Bruno Ferrari, e dos pais, os pequenos puderam expressar a sua criatividade por meio de tintas e cores no átrio do Shopping Frei Caneca, em São Paulo.

Catherine Kise de Lima Hamasaki (12), uma das convidadas, recebeu o diagnóstico da perda profunda da audição quando tinha 1,8 anos e a cirurgia do implante coclear foi realizada aos quatro anos de idade. De acordo com a mãe, Nanilda Maria de Lima, o diagnóstico precoce é fundamental. “O implante coclear mudou a vida da nossa família. Por isso, é preciso investigar o quanto antes a surdez para que não prejudique o crescimento.”

A falta de informação e de inclusão nas escolas do Brasil é outro ponto que merece destaque. “Em todos os encontros de mães busco falar sobre o tema e os recursos que as famílias possuem nesse momento. Precisamos melhorar esse canal de comunicação e de conhecimento”, reforça Nanilda.

Outra criança é Isabeli Bica (14). Ela realizou o primeiro implante com 1,3 ano e o segundo aos 12 anos, em 2017. “Após o segundo implante, passei a ouvir com maior clareza. O som ficou muito melhor!”, reconhece Isabeli.

A Cochlear, líder mundial do mercado de implantes auditivos é patrocinadora da Ear Parade. “Somos uma empresa australiana com mais de 30 anos de pesquisa e somos conhecidos por fornecer o dom de ouvir às pessoas ao redor do mundo. A Cochlear têm permitido 550 mil usuários de implante coclear e Baha® em mais de 100 países a se reconectarem com família, amigos e comunidades”, explica Patrícia Mastrorocco, Gerente Regional da Cochlear Lationoamérica.

A pintura das esculturas acontece até o dia 20 de junho, no Shopping Frei Caneca, em São Paulo. Entre os dias 25 de junho e 23 de julho ficarão expostas no Shopping e, de 24 de julho a 22 de agosto, estará nas ruas e praças da cidade. O leilão beneficente das esculturas será realizado em 29 de agosto.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário