terça-feira, 21 de maio de 2019

EMS INVESTIRÁ R$ 12 MILHÕES NA RESTAURAÇÃO DO MUSEU DO IPIRANGA


EMS, maior laboratório farmacêutico no Brasil, é um dos patrocinadores do projeto do Governo do Estado, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e da Universidade de São Paulo para a restauração e reinauguração do Museu do Ipiranga. Em coletiva realizada na última sexta-feira (17 de maio), no Palácio dos Bandeirantes, o governador João Doria anunciou detalhes do projeto e as empresas que confirmaram patrocínio. A EMS investirá o total de R$ 12 milhões na restauração do museu, ao longo de um período de quatro anos.

A previsão é iniciar as obras em setembro de 2019 e reinaugurar o espaço em setembro de 2022, data que marca a celebração do bicentenário da Independência do Brasil. Até o presente momento, foram levantados R$ 160 milhões para a recuperação do Museu, um recorde na história da cultura brasileira.
Para a EMS, contribuir para a preservação da história do país é um motivo de muito orgulho. "Sem dúvida, o Museu do Ipiranga é um dos grandes patrimônios culturais brasileiros e merece o nosso total apoio, em prol da promoção da memória nacional", diz Marcus Sanchez, vice-presidente Institucional da empresa.

Investir na cultura e ampliar o acesso a ela é algo que faz parte do compromisso social da EMS. Já é a tradição do laboratório estar ao lado de grandes projetos que impactem a sociedade e sejam de fato relevantes e possam promover transformações. "A marca que estamos construindo é essa que sente orgulho de olhar para trás e perceber seus rastros consistentes e constantes de responsabilidade social", completa.

Dentro do projeto, todos os elementos do edifício serão preservados, e o novo Museu do Ipiranga será ampliado para receber o triplo de visitantes. O espaço terá, ainda, 5 mil metros quadrados de área nova que abrigará exposições e atividades culturais, elevadores, estruturas de acessibilidade, um mirante, dois cafés e um restaurante.

"O Museu do Ipiranga é um tesouro nacional, detentor de uma riqueza cultural imensurável e referência para turistas do mundo todo, além de um cartão-postal da cidade de São Paulo. Para a EMS, uma empresa 100% brasileira, 100% verde-amarela, é uma honra enorme ter a sua marca associada a um dos maiores símbolos da independência do Brasil. Queremos continuar cultivando o histórico da EMS de patrocinar grandes projetos em nome da cultura do nosso País. Porque para nós, dar acesso à cultura é também promover saúde e bem-estar. Apoiar importantes ações de responsabilidade social é investir na qualidade de vida. Tanto quanto o ato de produzir medicamentos", finaliza Sanchez.

Além da EMS, outras 12 empresas integram o grupo de apoiadores confirmados. Todas receberam um certificado de patrocínio e foram homenageadas pelo governador ao término do pronunciamento.

Apoio a ações sociais

Há anos, a EMS acredita e investe na cultura brasileira, apoiando projetos diversos nessa área, incluindo teatro, música, literatura, museus, fotografia, exposições temáticas e concertos nacionais e internacionais.

Em 2016, por exemplo, o laboratório apoiou, durante a 24ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, a reedição da exposição "Menas – O certo do errado, o errado do certo", exibida originalmente em 2010 pelo Museu da Língua Portuguesa. Em 2017, entre outras iniciativas, a EMS patrocinou a Feira de Literatura Infantil de Taubaté (Flit), com o melhor da literatura infantil.

Ainda, a EMS é mantenedora, pelo sexto ano consecutivo, do Mozarteum Brasileiro, uma das mais conceituadas associações culturais do País; é parceira do MAM (Museu de Arte Moderna) de São Paulo desde 2013; e já patrocinou apresentações da Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB) do Rio de Janeiro e da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP).

EMS também incentiva projetos com foco em educação. A empresa é apoiadora do Instituto Qualidade no Ensino (IQE) no Nordeste brasileiro há mais de uma década; construiu, em 2008 - e mantém até hoje, em Hortolândia (SP), onde está instalado seu complexo industrial -, a EMEI Emiliano Sanchez, que atende 210 crianças da comunidade e filhos de colaboradoras, em conjunto com a Prefeitura local.

A companhia mantém, ainda, diversos apoios na área esportiva pelo Brasil, incluindo caminhadas, etapas tradicionais de corrida de rua e outras iniciativas direcionadas à promoção de saúde e bem-estar. Além do patrocínio de eventos voltados à prática do esporte amador, a companhia investe fortemente em modalidades profissionais dentro do automobilismo, do vôlei, do basquete, e em algumas equipes de futebol profissional.

Sobre a EMS

Maior laboratório farmacêutico no Brasil, líder de mercado há 13 anos consecutivos, pertencente ao Grupo NC. Com 55 anos de história e cinco mil colaboradores, atua nos segmentos de prescrição médica, genéricos, medicamentos de marca, OTC e hospitalar, fabricando produtos para praticamente todas as áreas da Medicina. Tem presença no mercado norte-americano por meio da Brace Pharma, empresa com foco em inovação radical. A EMS também investe consistentemente em inovação incremental, em genéricos de alta complexidade e é uma das acionistas da Bionovis, de medicamentos biotecnológicos – considerados o futuro da indústria farmacêutica. A empresa possui unidades produtivas em Jaguariúna (SP); em Brasília (DF); em Hortolândia (SP), onde funcionam o complexo industrial, incluindo o Centro de Pesquisa & Desenvolvimento, um dos mais modernos da América Latina, e a unidade totalmente robotizada de embalagem de medicamentos sólidos; e conta também com a Novamed, localizada em Manaus (AM), uma das maiores e mais modernas fábricas de medicamentos sólidos do mundo. A EMS exporta para mais de 40 países - www.ems.com.br

Fonte/Foto-reprodução/divulgação: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário