quinta-feira, 27 de maio de 2021

IMPORTADORA DE VINHOS CELLAR AMPLIA PORTFÓLIO E ADICIONA RÓTULOS ITALIANOS

 

Reconhecida por sua curadoria única e pelos rótulos exclusivos, a importadora de vinhos Cellar vai passar por um processo de expansão. O portfólio da empresa, que anteriormente contava apenas com rolhas oriundas da França, agora contempla também marcas da Itália. Ainda no primeiro semestre deste ano, passará a englobar também vinhos da Espanha e de Portugal.

O novo pacote de rótulos oferecidos pela empresa conta com vinhos de regiões tradicionais como Toscana, Piemonte e Sicília, sem descartar a possibilidade de trabalhar com outros produtores que se encaixam dentro do padrão buscado pela importadora. Na primeira leva, a Cellar incluiu 18 rótulos e quatro produtores: Stella di Campalto (Montalcino); Giovanni Rosso (Piemonte); Podere San Cristoforo (Toscana) e I Vigneri di Salvo Foti (Sicília).

"A chegada desses rótulos significa o começo de uma nova fase. Itália é sem dúvidas um marco em qualquer curadoria de vinhos e, para nós, uma seleção de produtores Italianos é fortalecer ainda mais nosso portfólio. Vamos chegar em mais pessoas, ao mesmo tempo que mantemos nossa assinatura de vinhos elegantes, equilibrados, vivos e feitos por pessoas incríveis", afirma Julia Frischtak, uma das sócias da Cellar.

"Os vinhos que chegaram são tradicionais no quesito dos produtores priorizarem o vinhedo e fazerem
transparecer essas uvas na garrafa - sem muitos artifícios, manipulação, ou maquiagem, como o uso excessivo de madeira, por exemplo. Mas são inovadores no sentido de trabalharmos com produtores que sempre questionam práticas existentes e tentam melhorar sempre, quebrar paradigmas, fazer vinhos excepcionais em regiões até então pouco valorizadas e - por que não? - rótulos divertidos", completa.

Fundada em 1995, a Cellar é uma importadora de vinhos tradicional no mercado brasileiro. A expansão faz parte de um novo momento da companhia, cujo comando mudou e hoje está na mão de um grupo de gestores egressos do fundo de investimentos XP.

A expansão do portfólio da marca abarcará ainda neste semestre vinhos de Espanha e Portugal. Depois, os planos da empresa incluem rótulos provenientes da Argentina e até produtos nacionais.

Embora suas garrafas sejam exclusivas e seu atendimento muito particular e personalizado - mesclando a consultoria com vendas online -, a Cellar busca democratizar o conhecimento dos vinhos, fazendo com que seus clientes entendam cada vez mais sobre o universo do produto e se conheçam o suficiente para fazer compras cada vez mais certeiras.

Sobre a Cellar:

Fundada em 1995 pelo mítico importador Amauri de Faria, que construiu ao longo dos anos um dos melhores portfólios de vinho do Brasil, a Cellar hoje conta com um novo time de sócios: executivos da XP Investimentos e Rodrigo Malizia, que continuam trabalhando para construir uma cuidadosa curadoria. Seus vinhos são escolhidos a dedo e existe uma relação próxima e de muita confiança com cada um de seus produtores. O que confere a Cellar o privilégio de ter em seu portfólio nomes exclusivos. Na empresa, o vinho não faz parte da vida dos sócios, ele É a vida deles. O propósito da Cellar é levar a paixão e emoção para cada vez mais pessoas. Sua missão é transformar o mercado de vinhos no Brasil, atuando na educação de seus clientes e ajudando as pessoas a beberem melhor gastando certo.

Fonte: Assessoria de Imprensa


Nenhum comentário:

Postar um comentário