domingo, 1 de maio de 2022

RIO2C REÚNE ARTISTAS INTERNACIONAIS, ESTRELAS DO RAP E PENSADORES CONTEMPORÂNEOS NO QUARTO DIA DE EVENTO

 


Na sexta-feira (29), o Rio2C apresentou nos seus dez palcos aproximadamente 50 painéis que abordaram temas como o processo de produção de uma série, desde a sala de roteiro até as filmagens de um episódio,o rap como instrumento de transformação social, a necessidade da sociedade se reconectar à natureza, os benefícios e desafios de aliar educação e tecnologia, entre outros.
 
O quarto dia começou com o painel "Grey´s Anatomy & Station 19: do Roteiro à Produção", no Global Stage, que traz o roteirista brasileiro Beto Skubs, a produtora executiva Kiley Donovan e a atriz Stefania Stampinato, numa celebração aos mais de 400 episódios da série, uma das mais longevas da história.
 
Na sequência, o mesmo palco recebeu opremiado produtor Scott Steindorff.Diagnosticado com o transtorno do espectro autista e especialista na adaptação de livros bestsellers para cinema e TV, ele compartilhou sua própria experiência na produção de conteúdo a partir da canalização de emoções para a arte.
 
No StoryVillage, o americano Shain Shapiro apresentou a sua teoria da importância da música como uma ferramenta poderosa para cidades e governos para impulsionar o crescimento econômico de suas comunidades, bem como para criar planos de investimento globais. Ele mostrou como o Rio, com toda a sua incrível cultura, pode se tornar uma cidade líder global da música não apenas na arte, mas na política e na prática.
 
A importância da música na vida da comunidade também foi abordada no encontro entre Mano Brown e Criolo, dois dos maiores ícones do rap nacional, no Global Stage. Eles falaram sobre o rap como instrumento de transformação social, como esse ritmo, que saiu do gueto e ganhou o mundo, movimenta milhões e influencia o comportamento de várias gerações.
 
Neste fim de semana, o Rio2C abriu suas portas para o grande público com uma série de atrações. A programação, batizada de Festivalia, inclui experiência de realidade virtual, palestras, bate-papos e oficinas com profissionais da indústria criativa, além de um amplo cardápio gastronômico nos food trucks espalhados pelo evento.
 
A edição deste ano é apresentada pela Petrobras e tem patrocínio do Banco do Brasil, Ministério do Turismo, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura, Riotur e Cidade das Artes.
 
Veja abaixo os destaques do quarto dia:

Global Stage
09h30 – 10h30
 
GREY’S ANATOMY & STATION 19: DO ROTEIRO À PRODUÇÃO
No ar desde 2005 e criada por Shonda Rhimes, Grey’s Anatomy consegue mexer com a emoção do telespectador após quase duas décadas no ar. Tramas e mais tramas são criadas a cada temporada, para surpreender e envolver o público. Neste painel, o roteirista brasileiro Beto Skubs e a Produtora Executiva Kiley Donovan celebram os 400 episódios da série original criada por Shonda Rhimes, completados ao final da 18a temporada, e que está atualmente no ar. Será apresentado o processo de produção da série e seu spin-off Station 19, desde a sala de roteiro até as filmagens de um episódio.
 
Beto Skubs, roteirista-produtor, Grey’s Anatomy
Kiley Donovan, produtora executiva e roteirista, Grey’s Anatomy e Station 19
Stefania Stampinato, atriz de Grey's Anatomy e Station 19
Moderação: Juliana Soares, Produtora Criativa e Roteirista, Gullane
 
11h – 12h
SCOTT STEINDORFF - O PAPEL DAS EMOÇÕES PARA INFLUENCIAR A ARTE
Produtor da aclamada série, Station Eleven, Scott Steindorff, encontrou seu verdadeiro propósito ensinando sobre emoções e como utilizá-las para influenciar a arte. Além de professor, ele atua na capacitação de conselheiros e psicólogos licenciados para apoiar indivíduos neurodiversos e suas famílias. A motivação vem do fato de Scott fazer parte do espectro e de ter, no audiovisual, encontrado de alguma forma um porto seguro, uma sensação de adequação. Nesta conversa, ele irá compartilhar como encontrou seu caminho e como tem trabalhado com alunos e conselheiros para inspirar e colaborar para que mais pessoas consigam canalizar suas emoções para influenciar a arte.
 
Scott Steindorff, Produtor Executivo, Station Eleven
 
15h30 – 16h15
MANO BROWN E CRIOLO
ENTRE RITMOS E POESIAS
Mano Brown, integrante dos Racionais MC's e comunicador à frente do segundo podcast mais ouvido do Brasil no Spotify, e Criolo, um dos rappers mais consagrados da atualidade com sua versatilidade e poesia, são dois dos maiores ícones do rap nacional, que arrastam multidões por onde passam. Neste encontro, falam sobre o rap como instrumento de transformação social, como esse ritmo, que saiu do gueto e ganhou o mundo, movimenta milhões e influencia o comportamento de várias gerações.
 
Mano Brown, rapper, compositor, Racionais MC's 
Criolo, rapper, compositor
Moderação e apresentação:
Larissa Luz
Zé Ricardo, curadoria de música, Rio2C
 
16h45 – 17h30
COMO ADIAR O FIM DO MUNDO – UMA CONVERSA COM AILTON KRENAK
"O nome krenak é constituído por dois termos: um é a primeira partícula, kre, que significa cabeça, a outra, nak, significa terra. Krenak é a herança que recebemos dos nossos antepassados, das nossas memórias de origem".Vivemos uma era geológica marcada pela interferência do ser humano na Terra, o Antropoceno. As mudanças provocadas por nós ameaçam o clima e a biodiversidade do planeta. Elas nos fazem refletir sobre nossa relação com outros seres e nosso impacto nos espaços que ocupamos.  Neste painel, Ailton Krenak, uma das maiores lideranças indígenas do país, conversa com Fabio Scarano, ecólogo, e M.M. Izidoro, autor e roteirista, sobre a necessidade de nos reconectarmos à natureza. Três perspectivas plurais e complementares sobre a importância de resgatarmos o conhecimento ancestral de que somos parte dela. 
 
Aílton Krenak, filósofo
MM Izidoro, autor e roteirista
Moderador: Fábio Scarano, Ecólogo
Apresentação: Marco Altberg, CEO, MM Altberg
 
StoryVillage
10h – 11h
TERROR, SOBRENATURAL E SCI-FI NO CENTRO DO CONTEÚDO ORIGINAL
 
Em crescente demanda no mercado mundial, propriedades intelectuais de gênero Terror, Sobrenatural e Sci-Fi são debatidas por especialistas como uma grande fonte a ser explorada no mercado nacional por diferentes segmentos da indústria criativa e compartilham estratégias para concretizar produções dos gêneros e atingir seu público-alvo globalmente. Neste painel, criadores falam sobre as peculiaridades dos gêneros e o potencial de expansão de conteúdo originalmente brasileiro no mercado global.
 
Ana Paula Maia, roteirista e autora da série Desalma
Dani Li, diretora da série 3%
MM Izidoro, roteirista e autor de Diário do Centro do Mundo
Moderação: Bruno D'Angelo, CEO e fundador, WIP Ventures
 
14h30 – 15h30
O PODER DA INDÚSTRIA CRIATIVA NA TRANSFORMAÇÃO DAS CIDADES
À medida que as cidades se recuperam da pandemia de covid-19, cada uma compete para atrair e reter talentos, melhorar a qualidade de vida e criar experiências únicas que atraem negócios e turismo. A música é uma ferramenta poderosa para cidades, governos e lugares usarem para impulsionar o crescimento econômico de suas comunidades e criar planos de investimento globais. No entanto, embora todas as cidades tenham música, festivais, patrimônio musical e artistas, poucos investigam o papel que a música – em todas as suas formas e funções – desempenha em tornar os lugares melhores. Isso requer olhar para a música no contexto do planejamento e estratégia urbana e desenvolver uma estratégia para a música. Shain Shapiro trabalhou com mais de 100 cidades no mundo, para desenvolver estratégias que utilizam a música para criar empregos, impulsionar o crescimento e melhorar a qualidade de vida. Ele explicará os benefícios de construir uma cidade da música e como o Rio, com toda a sua incrível cultura e talento, pode se tornar uma cidade líder global da música não apenas na arte, mas na política e na prática.
 
Shain Shapiro, Executive Director, Center for Music Ecosystems | Founder & Chairman, Sound Diplomacy
Interferências finais:
Léo Feijó, Diretor da Escola Música & Negócios, autor de “Diversidade na Indústria da Música"
Marcello Dughettu, Cofundador e Diretor Executivo, DU/TO
Marcus Faustini, Secretário Municipal de Cultura do Rio de Janeiro
 
BrainSpace
16h00 às 17h00
WEARABLE TECH: NEUROCIÊNCIA PARA EDUCAÇÃO
 
Aliar tecnologia e educação nunca foi tão necessário num mundo onde as novas gerações já nascem hiperconectadas. Enquanto o mercado de e-learning ultrapassa 200 bilhões de dólares, professores em sala de aula percebem a urgência de inserir na rotina educacional métodos e ferramentas digitais que estejam alinhados com as vivências dos jovens e que possam permitir um ensino personalizado e inteligente. Para discutir o tema, neurocientistas conversam com empreendedor referência na área educacional sobre como a criatividade atualmente contribui para a redefinição de moldes da educação no país, e sobre os benefícios e desafios de aliar educação e tecnologia.
 
Marília Zaluar, Neurocientista, UFRJ
Natália Mota, Psiquiatra/ Neurocientista, Motrix
Ricardo Schneider, Chief Scientific, Officer da Square Knowledge Ventures
Moderação: Alex Potascheff, Diretor de Criação, B9 Company
 
CyberStage
16h00 às 17h00
BRAINCAST: A VIDA IMITANDO OS GAMES
Já tem tempos que o cuidado com a criação de games extrapolou os chefões e a jogabilidade para um trabalho artístico, lógico, tecnológico e narrativo. As fontes que influenciaram a indústria dos games agora bebem desse mercado bilionário. Como os games está o ajudando a escrever as histórias do cinema, das plataformas digitais e do nosso cotidiano?
 
Beatriz Fiorotto, Apresentadora e Produtora geral, B9
Carlos Merigo, Founding Partner, B9
Cris Dias, Editor, B9
Luiz Hygino, Podcaster, B9
Convidado: Bernardo Mendes, Fundador & Chief Gaming Officer, Druid Creative Gaming
 
Screening Room
10h30 - 11h30
 
FORMATOS ORIGINAIS COM ALCANCE GLOBAL
Apesar de o Brasil ser um país altamente criativo e com uma consistente produção audiovisual, ainda está longe de ser um potente criador e exportador de formatos de conteúdo non-scripted. Neste painel, executivos debatem o potencial do mercado brasileiro para desenvolver formatos de não-ficção originais e a oportunidades de vendas para o mercado global. Serão apresentadas oportunidades, cases de sucesso e modelos de negócios para este segmento.
 
Eduardo Gaspar, Vice Presidente de Criação, Endemol Shine Brasil
Elisa Chalfon, Director, Diretora de Séries Não-Ficção, Netflix Brasil
Luisa Barbosa, Diretora executiva de não-ficção, Conspiração Filmes
Moderação: Roberto D’Ávila, CEO, Moonshot Pictures
 
FutureU
14h30 às 15h30
SOCIEDADE DO DESEMPENHO E BURNOUT
Em 2022, a Síndrome de Burnout passou a ser considerada uma doença ocupacional classificada pela Organização Mundial da Saúde. Seus sintomas são consequência de uma vida cada vez mais acelerada, exigências de alta performance e desempenho, entre outros fatores. O assunto é atual, urgente e necessário e será debatido sob a perspectiva de psicólogos, líderes de pessoas e um filósofo. 
Alexandre Coimbra Amaral, Consultor de Saúde Mental, Colunista do Valor Econômico, Escritor e Psicólogo
Camila Fidélis, Psicóloga e Especialista em Gestão Estratégica de Pessoas
Michele Salles Villa Franca, Head de Diversidade e Inclusão e Saúde Mental, Ambev | Fundadora, Carreira Preta
Moderação: Marcio Krauss, Filósofo
 
Biodom
11:30 às 12:30 
SUSTENTABILIDADE, CONSTRUÇÃO NO PRESENTE E INVENÇÃO DE FUTUROS ALTERNATIVOS 
Na ficção científica, um futuro alternativo é construído a partir de um pequeno evento divergente, que foge ao padrão daquele tempo e que tem um efeito em cascata, gerando uma linha temporal diferente.  
Aqui, especialistas conversarão sobre nossas ações no presente, sobre suas repercussões, e sobre outras formas possíveis de imaginar futuros pautadas na construção de sociedades solidárias e sustentáveis.  
 
Daniel Munduruku, Instituto Uk'a - Casa dos Saberes Ancestrais
Itala Herta, Fundadora, DIVER.SSA 
Sônia Guajajara, Liderança Indígena
Moderação: Rodrigo Medeiros, Senior Brazil Associate, Re:Wild
 
House of Brands
10h00 às 11h00  
SPARK SESSION: O MARKETING NA VELOCIDADE DA CULTURA  
O Brasil, como país continental, abriga uma diversidade cultural, social e tecnológica. Esse cenário plural oferece oportunidades para a criação de estratégias de marketing, mas também representa um desafio para a produção de conteúdo. Apresentamos uma conversa sobre como ultrapassar essas barreiras criativas e tecnológicas desde a TV aberta aos conteúdos de redes sociais.  
 
Kim Farrell, Head of Marketing for Latin America, TikTok  
Leonora Bardini, Diretora de Programação e Marketing, TV Globo

NewFrontier

10h às 11h

DIGITAL TWIN: UM MAPA DA CIDADE COMO VOCÊ NUNCA VIU

Washington Fajardo, secretário do planejamento urbano do Rio de Janeiro, fala sobre o projeto de mapeamento de dados das favelas e do centro através da utilização do Digital Twin, um modelo virtual inovador que amplia e facilita a visão sobre os desafios a serem enfrentados nestes locais, permitindo o desenvolvimento de estratégias e soluções mais acuradas e efetivas para a cidade.

Washington Fajardo, Secretário de Planejamento Urbano do Rio de Janeiro

Moderação: Duperron Marangon Ribeiro, CEO, PhDSoft  

PitchingShow

A seleção dos artistas do PitchingShowfoi realizada por uma banca comandada pelo produtor e compositor Zé Ricardo, curador de música do Rio2C, mediante inscrição gratuita no site do evento. Os pocket shows, com duração de 30 minutos cada, são realizados em um palco aparelhado com equipamentos de som e luz de alta qualidade, dentro de uma sala privada. Hoje se apresentam LX_Trocen, Talia Abdon, Cinco Nós e China.

Veja a programação completa:https://www.rio2c.com/programacao/

Acompanhe o Rio2C:

Instagram: @rio2c

Facebook: www.facebook.com/rio2c

Twitter: @rio2c_

Site: www.rio2c.com

Fonte: Assessoria de Imprensa 

Nenhum comentário:

Postar um comentário