terça-feira, 14 de junho de 2022

WSL/QS: LAYBACK PRO RIO COMEÇA NESTA QUARTA-FEIRA, NA PRAINHA (RJ)

 

A terceira edição do LayBack Pro em menos de um ano, vai promover pela primeira vez uma etapa da World Surf League na paradisíaca e preservada Prainha, no Rio de Janeiro. A capital carioca não recebe um evento do WSL Qualifying Series há 11 anos e o LayBack Pro Rio será realizado com igualdade na premiação para homens e mulheres, valendo como a sexta etapa da temporada 2022/2023 da WSL Latin America. A competição começa nesta quarta-feira (15), quando também serão iniciadas várias atrações extras para o público, com programações especiais de Jiu-Jitsu e Skate, além de ativações de educação e preservação ambiental.

"O que eu acho importantíssimo desse campeonato internacional, é que vamos poder mostrar a Prainha pro mundo", disse Antônio Abrantes, ou Neném como é mais conhecido o presidente da Associação dos Surfistas e Amigos da Prainha (ASAP). "Eu sei que o evento é um QS, mas será transmitido ao vivo pela WSL para o mundo todo e tem muitos surfistas desses novos, que nem conhecem a Prainha. Nem sabem que a gente tem um lugar no Rio de Janeiro, a 50 minutos do centro da cidade, que é totalmente preservado, que conseguimos transformar num Parque Natural, um lugar super bonito, sem nenhuma construção. Então, isso pra mim, é o grande lance do campeonato, mostrar para o mundo essa praia que tem o selo Bandeira Azul e é muito linda."

O LayBack Pro Rio na Prainha será a terceira etapa do World Surf League (WSL) Qualifying Series promovida pela LayBack Beer em menos de um ano. A marca de cerveja criada em Florianópolis pelo medalhista olímpico de skate, Pedro Barros, realizou o primeiro LayBack Pro, em novembro de 2021, na Praia Mole de Florianópolis e sua segunda edição já aconteceu em abril deste ano. Os dois eventos de Santa Catarina abriram e fecharam a batalha pelas vagas sul-americanas para o WSL Challenger Series de 2022, o único caminho para se chegar na elite do World Surf League Championship Tour.

A Praia Mole não sediava uma competição do Qualifying Series há 11 anos, assim como a capital carioca, onde a última etapa aconteceu em 2011 na Praia do Arpoador. Agora, o LayBack Pro Rio vai marcar a estreia da Prainha, um dos picos mais emblemáticos do surfe brasileiro, no calendário da World Surf League. Em todas as etapas, a Agência Esporte e Arte (AEA) produtora do evento, tem uma preocupação e um trabalho desenvolvido especialmente para a preservação ambiental das praias onde acontecem as competições.

"O surfe trouxe um legado maravilhoso para a minha vida. Já viajei para muitos lugares do mundo para surfar, conheci várias culturas e uma das coisas mais maneiras que aconteceu em mim, foi desenvolver meu lado de preservação", conta o presidente da ASAP, Neném. "Eu sou um dos fundadores da ASAP, naquela época que queriam fazer uma ocupação imobiliária na Prainha e esse movimento foi fundamental para impedir que isso acontecesse. Eu a frequento há quase 50 anos, sou presidente da ASAP há 14 anos e me orgulha muito poder surfar nesse lugar, quase do mesmo jeito que era cinco décadas atrás."

Para marcar a estreia da Prainha e do LayBack Pro no Rio de Janeiro, além do show garantido de grandes estrelas do surfe brasileiro disputando pontos nos rankings sul-americanos da WSL Latin America, várias atrações extras estão programadas para o público. A partir do primeiro dia, serão realizados o "Jiu-Jitsu 4 Life", a "Mini Ramp Sessions" para skatistas de qualquer nível, além do "Local Market" e de várias ativações de preservação ambiental.

Preservação ambiental -- O LayBack Pro Rio será realizado com uma preocupação especial para a preservação ambiental de todo o entorno da Prainha, comandada por um dos patrocinadores do evento, a Metha Energia. A startup mineira será responsável pela compensação de carbono, destinação correta do lixo e promoverá outras ativações de conscientização ambiental. No sábado, haverá uma ação em conjunto com a Route Brasil de limpeza da praia, com coleta seletiva de todo o lixo, para que a Prainha fique até mais limpa do que antes da realização do evento.

Jiu-Jitsu 4 Life -- Uma das atrações extras do LayBack Pro Rio para o público será o "Jiu-Jitsu 4 Life", com uma programação diária na Prainha, acontecendo com o patrocínio da RVCA, com suporte da EP e ASAP e apoio do ASA Rio. Qualquer pessoa poderá participar das atividades, que serão realizadas em três horários a partir desta quarta-feira (dia 15), às 7, 10 e 14 horas. Mas, as vagas são limitadas e serão preenchidas por ordem de chegada.

A quarta-feira será iniciada às 7 horas com Ginástica Natural ministrada por Marcus Lemos. Às 10 horas terá Kyra Gracie com Defesa Pessoal só para Mulheres e, às 14 horas, Jiu-Jitsu com Weber Pereira. Na quinta-feira (16), terá Preparação Física, às 7 horas, com Pedro Sem e duas sessões de Jiu-Jitsu, às 10 horas com Pedro Sem e às 14 horas com Theodoro Canal. Na sexta-feira (17), as atividades se repetem, com Michel Vargas e Renato Nascimento comandando a Preparação Física (às 7 horas) e o Jiu-Jitsu com Everaldo Penco e Thiago Travecks (às 10 horas) e Victor Bomfim (às 14 horas).

Já o fim de semana vai começar com Yoga, às 7 horas do sábado (18), com Daniel Esporterapia, depois tem Jiu-Jitsu com Júnior Montenegro, às 10 horas, e Sérgio Capella, às 14 horas. Como o LayBack Pro Rio deve ser encerrado no início da tarde do domingo (19), as últimas atividades do "Jiu-Jitsu 4 Life" serão realizadas pela manhã, com Yoga às 7 horas, com Alana Licati, e Jiu-Jitsu às 10 horas, com Rodrigo Kotait.

Skate -- Em todos os dias do LayBack Pro Rio também vai acontecer a "Mini Ramp Sessions", com atividades diárias de skate na pista que será instalada na Prainha. Serão realizadas clínicas de skate promovidas pela Carma Skateshop em dois períodos a partir da quarta-feira, das 9 às 10 horas e das 13 às 14 horas. No sábado, além das clínicas, terá uma "Demo" especial com os skatistas Murilo Peres, Jony Gasparoto, Vi Kakinho e Marlon Silva. E, no domingo, a atração final será a "Best Trick RVCA", às 14 horas, que vai premiar as melhores manobras.

Local Market -- Outra atração para o público que comparecer no LayBack Pro Rio será a "Local Market", um verdadeiro boulevard com várias marcas locais apresentando seus produtos nos estandes montados no estacionamento da Prainha.

O LayBack Pro Rio é uma realização da Agência Esporte & Arte (AEA), licenciada pela WSL Latin America para promover esta etapa do WSL Qualifying Series, homologada pela FESERJ (Federação de Surf do Estado do Rio de Janeiro), que conta com apresentação do Bar 399 e patrocínio da Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro, Corona e Metha Energia; suporte da ASAP (Associação dos Surfistas e Amigos da Prainha), BOLD Snacks e Orla Rio; apoio da Monster Energy, RIOZEN Toyota e site Waves, com a FIRMA produzindo a transmissão ao vivo pelo site da WSL

Sobre a WSL - Estabelecida em 1976, a World Surf League (WSL) é a casa do melhor surfe do mundo. Uma empresa global de esportes, mídia e entretenimento, supervisiona circuitos e competições internacionais, tem uma divisão de estúdios de mídia que cria mais de 500 horas de conteúdo ao vivo e sob demanda, por meio da afiliada WaveCo, empresa que criou a melhor onda artificial de alto desempenho do mundo. Com sede em Santa Monica, Califórnia, possui escritórios regionais na América do Norte, América Latina, Ásia-Pacífico e EMEA. A WSL coroa anualmente os campeões mundiais de surfe profissional masculino e feminino. A divisão global de Circuitos supervisiona e opera mais de 180 competições globais a cada ano do Championship Tour e dos níveis de desenvolvimento, como o Challenger Series, Qualifying Series e Junior Series, bem como os circuitos de Longboard e Big Wave. Lançado em 2019, o WSL Studios é um produtor independente de projetos de televisão sem roteiros, incluindo documentários e séries, que fornecem acesso sem precedentes a atletas, eventos e locais globalmente. Os eventos e o conteúdo da WSL, são distribuídos na televisão linear para mais de 743 milhões de lares no mundo inteiro e em plataformas de mídia digital e social. A afiliada WaveCo inclui as instalações do Surf Ranch Lemoore e a utilização e licenciamento do Kelly Slater Wave System. A WSL é dedicada a mudar o mundo por meio do poder inspirador do surfe, criando eventos, experiências e histórias autênticas, a fim de motivar a sempre crescente comunidade global para viver com propósito, originalidade e entusiasmo. Para mais informações, visite o site da WSL

 Fonte: Assessoria de Imprensa 

Nenhum comentário:

Postar um comentário