terça-feira, 19 de junho de 2018

INVESTIMENTOS NOS EUA CRESCEM 89% NOS ÚLTIMOS CINCO ANOS. CONFIRA 5 DICAS PARA IMIGRAR


Os Estados Unidos são o país que abriga a maior parte da comunidade brasileira que reside no exterior. Segundo o Ministério das Relações Exteriores, cerca de 1,4 milhão de brasileiros vive lá atualmente. Devido sua economia estável frente a outros mercados, os Estados Unidos são considerados uma excelente opção para ativos estrangeiros, que podem significar ganhos em dólar e uma maior diversificação de patrimônio. Ano passado, dos mais de US$ 6 bilhões (quase R$ 20 bilhões) gastos por brasileiros em imóveis no exterior, US$ 2,3 bilhões milhões - cerca de R$ 7,5 bilhões - foram para os Estados Unidos, de acordo com o Banco Central.

"A Flórida hoje segue como opção número um dos brasileiros que buscam uma vida nos Estados Unidos. Devido ao clima agradável e a grande comunidade brasileira que reside no estado, muitos brasileiros elegem Miami e Orlando como opções iniciais para seu ingresso no país norte-americano. Também existem grandes comunidades brasileira em Nova Jersey e Boston, sem contar a comunidade brasileira localizada no Queens na cidade de Nova Iorque, onde se encontram lojas, restaurantes e brasileiros por toda parte", comenta Thyago Raposo Nunes, Consultor Imobiliário Licenciado da Douglas Elliman Real Estate.

De acordo com o Consulado dos Estados Unidos em São Paulo, houve um crescimento de 89% no número de brasileiros que passou a investir em terras americanas. Isso também evidência o fato de que muitos têm se mudado para o país em busca de melhores condições de vida, como comprova números da Receita Federal: entre 2014 e 2016, foi registrado um aumento de 81,61% no número de Declarações de Saída Definitiva do País (obrigação de quem decide mudar do Brasil). Ao todo, foram 55.402 declarações em 2016, número bem superior quando comparado ao período de 2011 a 2013, em que foram computadas 30.506 declarações.

"Ter domínio do idioma e entender as leis são pontos fundamentais para o sucesso de qualquer mudança para os Estados Unidos. E, no caso de compra ou aluguel de qualquer tipo de empreendimento, vale ter o acompanhamento de consultorias com profissionais que assessore não apenas em questões financeiras, mas também na assistência legal. O investidor brasileiro que procura comprar uma propriedade nos EUA deve ter em mente que algumas exigências serão feitas no processo burocrático antes de finalizar a sua compra e, por isso, é fundamental entender o mercado local onde deseja investir é", completa.

Thyago Raposo Nunes, Consultor Imobiliário Licenciado da da Douglas Elliman Real Estate, dá 5 dicas para quem quer fazer o melhor investimento nos EUA:

1. Seja Realista. Conheça seus limites.

É muito fácil se apaixonar por uma propriedade quando se visita um imóvel. Porém, é recomendável que você conheça e se comprometa com um orçamento que se enquadre nos seus limites.

2. Condomínio, Cooperativa, Single-Family ou Multi-Family?

Devido à grande variedade de imóveis a venda em Nova York, conhecer os prós e contras de cada tipo de imóvel ajuda a reduzir as opções e facilita a seleção do tipo de imóvel que mais se enquadra em suas necessidades. Contratar um profissional da área é, sem dúvida, a melhor forma de conhecer as vantagens e desvantagens de cada opção disponível e suas vizinhanças. Se você estiver certo(a) do tipo de propriedade e bairro que gostaria, informe seu consultor. Na Douglas Elliman, por exemplo, você tem acesso às melhores propriedades até mesmo antes de serem disponibilizadas no mercado.

3. "Pronto pra morar" ou "Precisa-se de um retoque"

Uma vez que decidir o melhor tipo de investimento para você, pense se gostaria de um imóvel pronto para morar ou se estaria interessado em comprar um imóvel que precise ser reformado. As duas opções tem suas vantagens, portanto aconselhamos que pense com cuidado ao escolher o tipo de imóvel desejado. Por exemplo, os apartamentos que precisam de reforma (fixer or upper) são normalmente mais baratos e podem ser reformados de acordo com seus gostos, mas lembre-se que você precisará de acomodação durante o tempo de reforma do imóvel que escolheu para morar. Os apartamentos prontos para morar (turn-keys) podem ser mais caros, mas sua mudança será imediata, mais calma e tranquila. Se você tiver flexibilidade em sua escolha, seus lucros serão maiores no "fixer or upper".

4. Esteja preparado.

Tenha todos os documentos separados e organizados. Isso inclui um investimento para entrada no imóvel e todos os documentos necessários para aprovação de financiamento bancário. O dinheiro que será utilizado como entrada pode variar de 10% a 30% do valor do imóvel, dependendo do tipo de propriedade e requerimentos específicos. Os bancos normalmente requerem que o dinheiro esteja na conta por um tempo mínimo de 90 dias antes da assinar o contrato.

5. Invista em um consultor imobiliário.

A contratação de um corretor imobiliário em Nova York não custa nada. Sim, é verdade! Ser representado por um agente, lhe dá acesso à propriedades exclusivas e únicas, negociação de preços menores, indicação de outros profissionais do ramo, como advogados, agentes bancários e assistência com o application package, um pacote de documentos que precisam ser preenchidos para a aprovação da compra.

Sobre a Douglas Elliman Real Estate

Fundada em 1911, Douglas Elliman Real Estate é a maior corretora da área metropolitana de Nova York e a quarta maior empresa de imóveis residenciais em todo o país. Com mais de 7 mil agentes, a empresa opera aproximadamente 110 escritórios em Manhattan, Brooklyn, Queens, New Jersey, Long Island, Hamptons & North Fork, Westchester, Greenwich, South Florida, Colorado e Califórnia. Além disso, a Douglas Elliman tem uma aliança estratégica global com o London's Knight Frank Residential para negócios nos mercados mundiais de luxo que abrangem 60 países e seis continentes. A empresa também controla um portfólio de serviços imobiliários, incluindo Douglas Elliman Development Marketing; o maior gerenciamento de propriedades residenciais de Manhattan, Douglas Elliman Property Management com mais de 250 edifícios; e DE Commercial. Para mais informações sobre Douglas Ellian, visite http://www.elliman.com/

Foto/Crédito: Freepik

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário