quarta-feira, 17 de abril de 2019

PRETA GIL VENCE PROCESSO NA JUSTIÇA CONTRA A CONSTRUTORA JOÃO FORTES ENGENHARIA


O advogado da cantora Preta Gil, Daniel Blanck, conseguiu na data de hoje (17) uma importante vitória para a artista. Meses atrás foram veiculadas notícias sugerindo que a cantora havia perdido o apartamento na Justiça por “falta de pagamento”. Na oportunidade, Daniel Blanck esclareceu que a cantora firmou com a construtora JOÃO FORTES ENGENHARIA, contrato de promessa de compra e venda de imóvel em 2015. Após pagar substancial quantia, como de direito, Preta desistiu da compra como é direito de qualquer consumidor e buscou junta à construtora a devolução de parte dos valores pagos na forma da lei.

A construtora se negou a devolver qualquer valor e obrigou a cantora a ingressar com ação judicial. A sentença prolatada foi contrária a centenas de casos idênticos contra a mesma construtora. O advogado explicou a época que considerava a sentença teratológica (termo muito usado no meio jurídico que significa “bizarro”).

Na data de hoje, 17 de abril, no julgamento do Recurso de Apelação no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, três desembargadores foram unânimes em reformar a sentença, dando ganho de causa a Preta, condenando a construtora João Fortes a devolver 80% dos valores pagos, com juros e correção.

Fonte/Foto-reprodução/divulgação: Assessoria de Imprensa Midiorama

Nenhum comentário:

Postar um comentário