segunda-feira, 8 de julho de 2019

COISAS SOBRE O MASTERCHEF QUE VOCÊ NÃO SABIA


O famoso programa de culinária que é querido em todo Brasil, veio para ficar. Tanto na TV brasileira como internacional. Um campeonato que inspirou e ainda inspira milhões de pessoas ao redor do globo a começarem a estudar culinária e se tornarem chefs, pasteleiros e cozinheiros.

O Masterchef foi inventado no Reino Unido e tem versões espalhadas ao redor do mundo. Investe em pratos locais e regionais, o que torna cada programa único, mas tem regras padrões em relação aos desafios e regras. Cada versão possui coisas em comum e curiosidades que o telespectador não conhecia.

Como são os outros Masterchefs?

Pelo fato de cada versão do show ter um canal no YouTube, mas aplicar a restrição de acesso por país, quem estiver conectado a partir do Brasil só poderá ver o Masterchef do nosso país. O mesmo acontece com quem acessa a partir da França, e assim por diante. Se você tiver curiosidade em ver o programa de TV em outros países, há uma maneira fácil de conseguir fazer isto.

Instale um aplicativo VPN no seu computador, celular ou tablet. Este programa permite mudar o servidor de acesso para qualquer país que o usuário desejar. Também protege o seu aparelho de malwares e ataques de hackers. Recomendamos uma Rede Privada Virtual (VPN) paga, para garantir uma experiência rápida e sem limite de dados.

Masterchef Estados Unidos

Uma das versões mais disputadas de todas. Com Gordon Ramsay e mais dois jurados no comando, os participantes chegam quase às vias de fato quando estão disputando um desafio. E há até bullies no meio desse reality show mais parecido com um Big Brother do que qualquer outro programa de culinária.

Uma participante já chegou a cortar um pedaço do dedo numa prova da quarta temporada. Jessie Lysiak concorria numa prova relacionada ao show de TV Glee quando o incidente ocorreu.

Masterchef Austrália

Apesar de ter tido alguns problemas com antecipação de resultados em temporadas passadas, é considerada por muitos fãs como a melhor versão de todas. A competição lá do outro lado do mundo é acirrada mas os competidores são, na maioria, justos e cordiais. Vale a pena conferir pratos feitos com canguru e outras proteínas e condimentos exclusivos daquele país.

Uma curiosidade sobre esta versão é que os participantes australianos recebem um auxílio financeiro de, pelo menos, $500 dólares semanais para estarem até meses trabalhando no reality show.

Masterchef Brasil

O nosso querido programa já vai na sexta temporada e temos muitas curiosidades para contar sobre o Masterchef Brasil.

       Cada episódio leva um dia inteiro para gravar

Para cada hora que assistimos de Masterchef Brasil, foi necessário um dia inteiro, fora a edição, para que o episódio ficasse pronto. De manhã eles começam a gravar as
Provas, de tarde realizam o processo de eliminação, e à noite gravam os depoimentos.

       Cada participante faz dois pratos

Quem acompanha o reality show já deve ter percebido que os participantes fazem dois pratos cada, quando estão realizando a prova individual. A razão por trás disto é que os membros do júri experimentam um prato de cada competidor antes de chamar para a frente do palco.

       Tempo de mercado

Apesar de aparentar na tela que os participantes têm apenas dois minutos de mercado, na realidade os organizadores deixam eles excederem o tempo e editam a cena.

Imagens patrocinadas   shutterstock.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário