segunda-feira, 30 de setembro de 2019

SPCD APRESENTA DOCUMENTÁRIO SOBRE TINDARO SILVANO


São Paulo Companhia de Dança – corpo artístico da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Associação Pró-Dança e dirigida por Inês Bogéa – apresenta um novo episódio da série Figuras da Dança. A carreira de Tíndaro Silvano é o tema do documentário.

O mineiro Tíndaro Silvano (1956) é bailarino, ator, coreógrafo, mestre de balé, diretor e conselheiro artístico cultural. Iniciou seus estudos de balé com o professor Carlos Leite em Belo Horizonte e aperfeiçoou-se no Brasil e exterior. Atuou nas companhias do Palácio das Artes (Belo Horizonte), do Ballet Guaíra (Curitiba), do Ballet Gulbenkian (Lisboa) e do Ballet do Theatro Municipal (Rio de Janeiro). Dirigiu a Cia de Dança do Palácio das Artes durante o período 1988-1996. No período de 2004 a 2005, residiu em Paris na Cité Internationale Des Arts na qualidade de artista convidado. Dirigiu e atuou como coreógrafo residente da Cia Jovem do Palácio das Artes de 2007 a 2010. Atualmente, trabalha como coreógrafo freelancer, desenvolvendo parcerias com instituições de diversos países tais como Bélgica, Holanda, Finlândia, Dinamarca, Turquia, entre outros.

Figuras da Dança – Tíndaro Silvano tem direção de Inês Bogéa, conta com depoimentos de personalidades como o diretor e crítico de artes cênicas Wagner Corrêa de Araújo; a diretora de dança e coreógrafa Dalal Achcar; a bailarina, professora e remontadora Hilary Cartwright; a diretora de dança Hulda Bittercourt; o bailarino e coreógrafo Luís Arrieta; o diretor de teatro e ópera William Pereira; a diretora de dança Patrícia Avellar; o coreógrafo e mestre de dança Vasco Wellenkamp; o coreógrafo Oscar Araiz e o diretor de dança Ricardo Fernando. A obra já está disponível no site da SPCD e em breve será apresentada nos canais Arte 1, TV Cultura e Curta!.

"Além da preservação da memória da dança no Brasil, o Figuras da Dança nos permite proporcionar um presente ao público brasileiro, na certeza de que essas histórias agora serão ainda mais vistas", afirma Inês Bogéa, diretora da SPCD.

Figuras da Dança conta a história da dança no Brasil sob a perspectiva de quem a viveu. A série conta hoje com 35 episódios: Ismael Guiser, Ivonice Satie, Ady Addor, Marilena Ansaldi, Penha de Souza, Ruth Rachou, Luis Arrieta, Hulda Bittencourt, Tatiana Leskova, Angel Vianna, Antonio Carlos Cardoso, Carlos Moraes, Décio Otero, Márcia Haydé, Sônia Mota, Ana Botafogo, Célia Gouvêa, Lia Robatto, Marilene Martins, Ismael Ivo, Edson Claro, Hugo Travers, J.C Violla, Cecília Kerche, Eva Schul, Janice Vieira, Eliana Caminada, Mara Borba, Jair Moraes, Paulo Pederneiras, Nora Esteves, Maria Pia Finocchio, José Possi Neto, Aracy Evans e Tíndaro Silvano. Os documentários são acompanhados de livretos informativos sobre cada artista, com texto de pesquisadores, fotos históricas e cronologia. A série Figuras da Dança não é comercializada. Ela é distribuída para instituições educativas e culturais, principalmente as que contam com biblioteca pública, além de universidades e ONG's. Todos estes documentários estão integralmente disponíveis no site da SPCD em spcd.com.br/figuras_da_danca.php, além de serem exibidos regularmente na TV, nos canais Arte 1, TV Cultura e Curta!.

SÃO PAULO COMPANHIA DE DANÇA

Direção Artística | Inês Bogéa

Criada em janeiro de 2008, a São Paulo Companhia de Dança (SPCD) é um corpo artístico da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Associação Pró-Dança e dirigida por Inês Bogéa, doutora em Artes, bailarina, documentarista e escritora. A São Paulo é uma Companhia de repertório, ou seja, realiza montagens de excelência artística, que incluem trabalhos dos séculos XIX, XX e XXI de grandes peças clássicas e modernas a obras contemporâneas, especialmente criadas por coreógrafos nacionais e internacionais. A difusão da dança, produção e circulação de espetáculos é o núcleo principal de seu trabalho. A SPCD apresenta espetáculos de dança no Estado de São Paulo, no Brasil e no exterior e é hoje considerada uma das mais importantes companhias de dança da América Latina pela crítica especializada. Desde sua criação, já foi assistida por um público superior a 660 mil pessoas em 17 diferentes países, passando por mais 136 cidades, em mais de 860 apresentações. Desde sua criação, a Companhia já acumulou 26 prêmios, nacionais e internacionais. Além da Difusão e Circulação de Espetáculos, a SPCD tem mais duas vertentes de ação: os Programas Educativos e de Formação de Plateia e Registro e Memória da Dança.

INÊS BOGÉA - Direção Artística | Inês Bogéa é doutora em Artes (Unicamp, 2007), bailarina, documentarista, escritora, professora no curso de especialização Arte na Educação: Teoria e Prática da Universidade de São Paulo (USP) e autora do "Por Dentro da Dança" com a São Paulo Companhia de Dança na Rádio CBN. De 1989 a 2001, foi bailarina do Grupo Corpo (Belo Horizonte). Foi crítica de dança da Folha de S. Paulo de 2001 a 2007. É autora de diversos livros infantis e organizadora de vários livros. Na área de arte-educação foi consultora da Escola de Teatro e Dança Fafi (2003-2004) e consultora do Programa Fábricas de Cultura da Secretaria de Cultura do Estado (2007-2008). É autora de mais de quarenta documentários sobre dança. 

Fonte: Assessoria de Imprensa


Nenhum comentário:

Postar um comentário