domingo, 22 de dezembro de 2019

TRÊS DIAS E MAIS ALGUNS É UM CONVITE A REFLEXÕES SOBRE O COTIDIANO DE UM ADOLESCENTE POBRE E CHEIO DE RESPONSABILIDADES


A adolescência é um período curioso: são tantas descobertas, o primeiro amor, a escola que vai exigindo cada vez mais, as responsabilidades que chegam, os sonhos alimentados todos os dias. A vida de Matias, protagonista do livro Três dias e mais alguns, de Caio Riter, não é diferente da maioria dos meninos de sua idade, talvez exceto pela sua paixão por Star Wars e sua sensibilidade para enxergar seu meio social. Um prato cheio para ser trabalhado em sala de aula por unir um ícone da cultura pop a temas relevantes e atuais.
Três dias e mais alguns traz a história do menino de 16 anos, que vive em uma comunidade carente de Porto Alegre com sua mãe e dois irmãos mais novos. Com um enredo inteligente e uma narrativa extremamente rica, o livro conta como Matias consegue lidar com assuntos delicados como a organização familiar, a desigualdade social, saúde mental, preconceito e violência.
A paixão de Matias pela saga de Star Wars o faz comparar todos a sua volta com personagens dos filmes, aproximando-o de seus heróis e comparando seu pai e os namorados que sua mãe teve com aqueles que sucumbiram ao lado negro da força. Ao longo da história, ele conversa com o leitor e conta como sua mãe não teve sorte em seus relacionamentos, e que seu pai o prometeu férias inesquecíveis em Salvador, mas nunca voltou para buscá-lo, bem como seus irmãos também não tiveram a sorte de  ter um pai presente.
São muitos os aspectos da vida do protagonista que nos levam a refletir sobre a realidade de muitos brasileirinhos dos quatro cantos do País. Matias é dedicado responsável e sonha em ser doutor para dar condições de vida melhores para sua família. E já demonstra suas qualidades ainda adolescente, como quando se atenta ao comportamento de Deco, seu irmão menor, e começa a desconfiar de que o caçula seja autista.
Um texto impecável e rico de Caio Ritter, indispensável para todas idades, e com ilustrações belíssimas, leves e sensíveis de Laerte Silvino.
Sobre:
Caio Ritter
Caio Ritter é um porto-alegrense, professor e doutor em Literatura Brasileira, apaixonado pelo universo de Star Wars e foi esse amor que o incentivou a criar seus primeiros personagens. O autor publicou seu primeiro livro em 1994. Nestes 25 anos, já são mais de 60 títulos publicados, inclusive alguns premiados. Casado e pai de duas filhas, Helena e Carolina, Caio escreve livros infantis, juvenis e também para adultos.
Laerte Silvino
Laerte Silvino é ilustrador e quadrinista. Recifense, compartilha com o autor Caio Riter sua paixão pela saga Star Wars. Assim como o protagonista de “Três dias e mais alguns”, Matias, Laerte também aprendeu lições grandiosas por meio dos filmes, livros e gibis que consumia mais jovem.  O ilustrador também conta que deve à cultura nerd a vontade de trabalhar com desenho.
Ficha Técnica
Três dias e mais alguns
Autor: Caio Riter
Ilustração: Laerte Silvino
Número de Páginas: 120
Preço: R$49,50
Editora do Brasil:
A Editora do Brasil busca, há mais de 75 anos, renovar os produtos e serviços que levem aos milhares de educadores e alunos do Brasil conteúdos atuais e materiais de qualidade. Nos quatro cantos do País, professores e gestores utilizam nossos livros e têm acesso a um projeto didático comprometido com a ética e com uma educação cada dia melhor.
O compromisso da Editora do Brasil é com o dinamismo do conhecimento e com a educação que transforma e é transformada. Mais que nunca, posiciona-se ao lado dos educadores, observando, analisando e discutindo os novos desafios do ensino em nosso País. 
Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário