segunda-feira, 11 de maio de 2020

MUSEU DO IPIRANGA NO MUSEUMWEEK + LIVE


Sete dias, sete temas, sete hashtags. Entre os dias 11 e 17 de maio, galerias, bibliotecas, arquivos, museus e outras instituições culturais participam da MuseumWeek, movimento digital internacional que propõe um tema por dia para nortear as publicações nas redes sociais dos participantes. O Museu do Ipiranga participa da ação digital e agenda, ainda, uma live no dia 18 de maio - Dia Internacional dos Museus - sobre o plano digital da instituição e a parceria com a plataforma Wikipedia, considerada uma ação pioneira no meio cultural. A transmissão conta com as participações da diretora Solange Ferraz de Lima, o presidente do Wiki Movimento Brasil, João Alexandre Peschanski, e um dos membros fundadores do movimento, Célio Costa, e será transmitida às 15h, pelos canais do Facebook (facebook.com/museudoipiranga) e Instagram (instagram.com/museudoipiranga/) do Museu.

Criada em 2014, a MusemWeek busca unir a comunidade cultural internacional e engajar o público a conhecer mais dos acervos das instituições participantes. A iniciativa conta com o apoio do ICOM (Conselho Internacional de Museus), e, no Brasil, do Ibram (Instituto Brasileiro de Museus) e do Ibermuseus. No início do ano, foi adotado "união" (no original, "togetherness") como tema geral da MuseumWeek 2020. Nos tempos atuais, em que metade da população mundial está em confinamento por conta de uma pandemia sem precedentes, o tema ganha ainda mais relevância.

No dia 11 de maio, primeiro dia da campanha, a temática sugerida é "Heróis". Esse dia homenageia todas as pessoas que estão na linha de frente, prestando serviços essenciais na luta contra a COVID-19. O Museu do Ipiranga aproveita a temática para colocar em xeque o conceito de "herói", utilizando, dentre outras, a imagem de um bandeirante. Serão propostas discussões acerca do que é o heroísmo e quais os fatores históricos que levam a essa construção. Na terça-feira, dia 12, o tema é "Cultura na quarentena". Com a intenção de convidar o público a recriar obras culturais com objetos e pessoas de suas casas, o Museu do Ipiranga fez uma seleção de seu acervo, e promete algumas surpresas para esse dia.

Em seguida, no dia 13, quarta-feira, a temática proposta é "Junto". Chegamos, portanto, ao tema principal da MuseumWeek 2020, que remete à coletividade, à comunidade e aos esforços conjuntos. Para este dia, o Museu do Ipiranga separou imagens de sua equipe, além de itens do acervo que remetem a atividades realizadas em comunhão. Na quinta-feira, dia 14, a campanha se utiliza do clássico "tbt" - hashtag utilizada em redes sociais neste dia da semana para posts de fotos antigas - para propor o tema "Momentos do Museu". O público será convidado a compartilhar memórias de visitas, enquanto o Museu do Ipiranga também compartilha fotos históricas da instituição.

Na sexta-feira, dia 15, a campanha se volta para uma temática de grande relevância nos tempos atuais: "Clima". O Museu revive fotos e objetos do acervo que convidam o público a pensar nas mudanças climáticas e em como o clima nos afeta. A temática seguinte, "Tecnologia", será explorada no sábado, dia 16. Será a oportunidade do público conhecer quais tecnologias são utilizadas no dia-a-dia do Museu, como aparelhos para restauro de obras e manutenção do acervo.

E por fim, a MuseumWeek se encerra no domingo, dia 17, com a temática "Sonhos". Neste dia, imagens idílicas do Museu do Ipiranga serão postadas para questionar o público sobre seus sonhos, anseios e projeções para o futuro. O dia seguinte, em que se celebra o Dia Internacional do Museu, será comemorado pela instituição por meio da live sobre suas ações digitais em parceria com o Wiki Movimento Brasil, às 15h.

Museu do Ipiranga
Fechado para reforma desde 2013, o Museu do Ipiranga segue em atividade com eventos, cursos, palestras e oficinas em diversos espaços da cidade. As obras de restauro, ampliação e modernização do Museu se iniciaram em outubro do ano passado, e a expectativa é que seja reaberto em setembro de 2022, para a celebração do bicentenário da Independência do Brasil. Para mais informações sobre o restauro, acesse o site museudoipiranga2022.org.br.

O edifício, tombado pelo patrimônio histórico municipal, estadual e federal, foi construído entre 1885 e 1890 e está situado dentro do complexo do Parque Independência. Concebido originalmente como um monumento à Independência, tornou-se em 1895 a sede do Museu do Estado, criado dois anos antes, sendo o museu público mais antigo de São Paulo e um dos mais antigos do país. Está, desde 1963, sob a administração da USP, atendendo às funções de ensino, pesquisa e extensão, pilares de atuação da Universidade.

Patrocinadores e parceiros: Banco Safra, Bradesco, Caterpillar, Comgás, CSN - Companhia Siderúrgica Nacional, EDP, EMS, Fundação Banco do Brasil, Grupo Ultra, Honda, Itaú, Pinheiro Neto Advogados, Sabesp, Vale.


Foto/crédito: Helio Nobre – Legenda: Fachada do Museu do IpirangaFonte: Assessoria de Imprensa Museu do Ipiranga

Nenhum comentário:

Postar um comentário