quinta-feira, 20 de agosto de 2020

HARMONIZAÇÃO FACIAL ESTÁ EM ALTA, MAS DEVE SER FEITA COM ORIENTAÇÃO


A harmonização facial está em alta. Mas você sabe como funciona? A especialista em Harmonização Orofacial, Juliana Caldas, explica o processo estético queridinho das estrelas.

O termo “harmonização facial” tem sido usado bastante, nos últimos anos. Porém poucas pessoas sabem o real significado. Esse método nada mais é que um conjunto de procedimentos que servem para dar proporções equilibradas ao rosto. “O principal motivo para a harmonização estar fazendo tanto sucesso é o fato dela ser um tratamento sem corte, você pode ter um bocão, ficar sem rugas, nariz empinado e tantas outras possibilidades sem precisar passar pelo centro cirúrgico. Meu maior objetivo com o paciente é o alinhamento das expectativas com a possibilidade real do procedimento. Que ele saia do consultório realizado”, disse Juliana.

"Para ter um resultado pleno no tratamento, o profissional usa apenas agulhas e cânulas com materiais como: ácido hialurônico, toxina botulínica, bioestimulação de colágeno, entre outros.”, complementou. A maioria dos procedimentos que envolvem a harmonização facial tem duração limitada. A aplicação de ácido hialurônico, por exemplo, garante resultados por dois anos, tendo que passar por avaliação, no mínimo, 7 meses após as primeiras aplicações.

Dra. Juliana Caldas atende em João Pessoa (PB), em dois endereços, periodicamente. Avaliações e outras informações podem ser obtidas através do telefone: (81) 99854-4494.


Fotos: Reprodução/divulgação

Fonte: Júnior Belo

Nenhum comentário:

Postar um comentário