terça-feira, 20 de abril de 2021

ENCONTRO LIXO ZERO SÃO PAULO 2021 - CIRCULAR PARA NÃO PARAR

 

O Encontro Lixo Zero São Paulo, polo de debate e discussão da gestão de lixo na cidade de São Paulo confirma sua edição 2021 para 23 de abril, das 9h às 21h, com o mote “Circular para Não Parar”.

“Em 2020, discutimos muito sobre o confinamento na pandemia e seus impactos. Acreditávamos e torcíamos para que o encontro de 2021 ocorresse  de forma presencial e que todos pudéssemos estar próximos e falar de uma nova realidade, com saúde, com respeito ao meio ambiente, com menos desigualdades. De uma realidade sem fome. Estamos nos aproximando do meio do ano de 2021 sem termos ainda uma perspectiva de um futuro sem pandemia. Ainda não conseguimos ter claro a realidade que enfrentaremos”, afirma Flávia Cunha, coordenadora do Grupo de Trabalho Lixo Zero da Associação Brasileira dos Profissionais pelo Desenvolvimento Sustentável (ABRAPS) e Embaixadora do Instituto Lixo Zero Brasil em São Paulo.

Se, por um lado, existem razões para nossas angústias e preocupações, pela decisão de apresentar um outro olhar para esse tema, o foco do ELZ 2021 é, de forma propositiva, trazer uma mensagem otimista. “Se no ano passado olhamos para os sintomas que causam o lixo, neste ano, queremos ter falas que se transformem em ações”, completa Flávia. Ações de pessoas, de cidadãos comuns, de empresas, de gente que está fazendo a diferença na vida das pessoas.

Por isso, dois blocos temáticos tratarão da perda e do desperdício de alimentos. Afinal, ‘se tem gente com fome, dá de comer”. E temos ainda um longo caminho a aprender para não transformar o resíduo alimentar em lixo. Resíduo alimentar é alimento, e tem muita gente com iniciativas importantes para que esse ciclo se feche e esse resíduo vire alimento novamente.

A circularidade e a necessidade de tratarmos da logística reversa de materiais estará presente nos nossos dois últimos painéis. Aquartelados, passamos a consumir mais produtos pelo sistema de delivery, e nossas casas foram invadidas por inúmeras embalagens, muitas vezes de uso único. Frente a essa realidade, temos que perguntar: quais são nossas alternativas? O que os consumidores podem fazer? E a cadeia de distribuição, estão eles dispostos a pensar e agir de forma diferente?

O último painel trata de um tema que, infelizmente, também passou a fazer parte do nosso cotidiano. Em 2020 e nesse início de 2021, a cidade de São Paulo também adoeceu, e vimos uma invasão de máscaras, álcool em gel, remédios e mais remédios. Em julho de 2020, ainda com três meses de pandemia, estimava-se que a cidade de São Paulo já descartava 60 milhões de máscaras*, o que configurava um potencial problema ambiental. Nove meses depois desse alerta, temos a obrigação de visitar esse tema novamente. Se em 2020, o encontro tinha como mote “Lixo: sintoma de quê?”, neste ano, cabe olhar que remédios aplicamos para combater esse sintoma. Cabe olhar para toda a cadeia de saúde e discutir o papel do consumidor, da cadeia de distribuição e dos fabricantes de medicamentos.

“É muito importante incentivarmos conversas sobre a gestão de resíduos no nosso dia a dia. O Encontro Lixo Zero está alinhado ao pilar de sustentabilidade da Nespresso, que incentiva os consumidores a reciclarem as cápsulas usadas para que o alumínio volte ao seu ciclo de vida e o pó de café seja usado para compostagem”, disse Cecilia Seravalli, Gerente de Sustentabilidade da Nespresso, empresa patrocinadora do evento.

O Encontro Lixo Zero São Paulo 2021 traz como linha central, o mote “Circular para não parar!” Os quatro painéis trarão especialistas, acadêmicos, empreendedores e ativistas, reunidos:

PAINEL 1 – das 9h00 às 10h30: Perda de alimentos no varejo - reduzir para ganhar.

O papel dos supermercados na redução do desperdício de alimentos na cadeia de abastecimento e o efeito do desperdício no preço dos alimentos. As ações que o varejo alimentar pode adotar para reduzir o desperdício, como o planejamento de demanda para a redução de excesso, a interação com fornecedores, as políticas de doações, a revisão das práticas promocionais e de vendas especiais, e as práticas de preparo que ajudam a consumir de forma consciente.

PAINEL 2 – das 11h00 às 12h30: Conexão alimentar - a tecnologia para o não desperdiçar.

Novas tecnologias em busca do combate ao desperdício de alimentos: empreendedores atuantes em São Paulo discutem os caminhos mais inovadores rumo ao Lixo Zero em supermercados, restaurantes e cidades.

PAINEL 3 – das 15h30 às 17h00: Economia Circular - fazer MAIS com o mesmo.

A proposta do painel é explorar oportunidades e desafios na Economia Circular no Brasil como um processo agregador, desde repensar a embalagem (do desenvolvimento ao pós-consumo), o reuso e reinserção de materiais na cadeia produtiva, a valorização da cooperativa e a reinvenção de negócios de forma colaborativa a serviço da geração de impacto social e relevância para o planeta.

PAINEL 4 – das 18h30 às 20h00: O lixo tem remédio - a hora do descarte consciente.

Logística Reversa de Medicamentos: os direitos e deveres do consumidor em relação ao descarte dos remédios e suas embalagens. Os deveres das farmácias, drogarias e fabricantes. As formas de descarte e os pontos autorizados para recebê-los.

O evento conta com a presença de representantes de destaque nos setores acadêmicos, empresarial e socioambiental, como: Flavia Cunha – Casa Causa; Hugo Bethlem - Instituto Capitalismo Consciente Brasil; Eduardo Santos - empresário e consultor, especialista em prevenção e perdas; Camila Colombo de Moraes - Professora Doutora e Pesquisadora da UFSCar; Bruna Fallani - Shopper 2B, Eduardo Prates - Eco Circuito, Guilherme Masseroni - James Tip , Leila Okumura - Local.e, Luciano Almeida - Restin, Ricardo Salazar - Whywaste, Paula Tavares - MFT Conagro, André Borges - IFood, André Menezes -Baanko, Célia Freitas - Terphane, Telenis Basílio do Nascimento Junior (Carioca) – COOPERCAPS, Daniela Mota - Advogada Ambiental - Felsberg Advogados, Itamar Carvalho Jr. Do SINDUSFARMA, José Redondo, Professor e consultor, José F. Agostini Roxo Diretor Geral da Brasil Health Service, entre outros.

O ELZ é promovido todos os anos em diversas cidades do país pelo Instituto Lixo Zero Brasil (ILZB) com o objetivo de disseminar as melhores práticas sobre lixo zero e economia circular. Em 2020, o ELZ mobilizou 54 cidades na promoção dos encontros digitais. Em São Paulo foram mais de 2900 pessoas acompanhando o evento em tempo real e mais de 6000 de forma assíncrona.

O evento é realizado pelo Instituto Lixo Zero Brasil e pela ABRAPS – Associação Brasileira dos Profissionais pelo Desenvolvimento Sustentável, com curadoria da Casa Causa e organizado pela MUDA Coletivo Criativo. Patrocinadora Nespresso, Grupo R1- Soluções Audiovisuais e Ifood. Apoio da Instituto MUDA, MUSA Waste Management Platform, MassFix Reciclagem de Vidros e Poiato Recicla.

A programação e inscrições gratuitas estão disponíveis na página da ABRAPS www.abraps.org.br e no link http://bit.ly/3dJoqtG

Fonte: Assessoria de Imprensa  

Nenhum comentário:

Postar um comentário