sexta-feira, 18 de junho de 2021

74% DAS BRASILEIRAS JÁ RECEBERAM CARTAS DE AMOR; VEJA 5 RAZÕES PARA ELAS VOLTAREM À MODA

 

Frida e Diego, John Lennon e Yoko Ono, Machado de Assis e Carolina de Novais, os bilhetes entre Joe DiMaggio e Marilyn Monroe que foram leiloados... Há cartas de amor lendárias que nos mostram que o romance não deve morrer. Será que é mesmo verdade que, por não ser mais tão comum, essa prática deve ser vista como algo que as pessoas "superam" depois da adolescência?

O aplicativo de relacionamentos AdoteUmCara descobriu, por meio de uma pesquisa, que 74% das mulheres brasileiras receberam uma carta de amor em algum momento de suas vidas (especialmente nos anos escolares). Além disso, 8 em cada 10 delas escreveram uma carta de amor à mão, mas – e isso é o mais incrível – 72% não a enviaram.

Por que as pessoas não devem deixar de lado a tradição romântica de escrever cartas de amor? Aqui estão cinco bons motivos:

1. Elas são o melhor pedido de casamento – os brasileiros que o digam

Há certas coisas da velha guarda que sempre emocionarão. Atualmente, muitos casais apostam em pedidos de casamento com flash mobs e grandes demonstrações públicas de afeto. Mas, que tal voltar ao passado e fazer o pedido por carta?

Na ação inédita do AdoteUmCara que selecionou 1.000 cartas de amor para viajarem pelo espaço, o Brasil se destacou por ter sido o país com mais pedidos de casamento entre as mensagens ganhadoras e as que foram pré-selecionadas.

Os brasileiros mostraram que estão entre os que mais valorizam as cartas de amor. O Brasil teve o segundo maior número de cartas cadastradas na plataforma (atrás apenas da França, país de origem do app). E foram 53 as mensagens brasileiras escolhidas pela ação.

As cartas brasileiras vencedoras vieram de cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Belém, Maceió, Olinda, Ilhéus e Cascavel, entre outras.

2. Elas são mais autênticas

Basta refletir um pouco para perceber que escrever é algo que as pessoas fazem todos os dias, como e-mails de trabalho e estudo, posts e mensagens nas redes sociais. Mas as cartas de amor estão longe de ser algo padronizado e repetitivo – pois vêm do coração.

Parar por um momento diante de uma folha de papel para refletir sobre o relacionamento com a pessoa amada faz com que o autor acesse o seu lado criativo e escreva uma mensagem autêntica e única.

3. Elas têm um significado especial

Embora nas redes sociais as pessoas consigam ver as "lembranças" de alguns anos atrás (às vezes, bastante constrangedoras), em geral, as palavras se perdem facilmente nessas plataformas.

Em uma mensagem escrita à mão, não. Uma carta é única, privada e destinada a alguém em particular. Ela tem um significado especial, íntimo, que simplesmente não pode ser comparado a um tweet ou a um story.

4. Elas permitem se expressar melhor (e são até terapêuticas)

A escrita ajuda as pessoas a se conectarem com o que elas sentem. Leva-se alguns minutos para refletir sobre o que se quer expressar naquele pedaço de papel. Nesse sentido, não é apenas algo que se faz por outra pessoa, mas também por si mesmo.

O autor sai da rotina e usa o momento para se conectar com seus pensamentos e sentimentos. Algo que, neste mundo de ritmo acelerado, é um privilégio.

5. Elas são para sempre

Definir quanto tempo é realmente "para sempre" é difícil, mas, no mínimo, uma carta serve como uma testemunha muito mais duradoura do que um arquivo eletrônico. Ela é algo que se pode tocar e manter por muito tempo (e mostrar anos depois aos filhos e netos).

"As cartas se tornaram um depoimento de grandes amores e são uma forte prova de que eles existem! E é exatamente por isso que criamos a chamada da Cosmic Love", diz Karolina Ciccarelli, gerente de projetos do AdoteUmCara.

Amor além dos limites terrestres

Karolina se refere à campanha inédita promovida pelo aplicativo de relacionamentos, que selecionou 1.000 cartas de amor que viajarão, em breve, para além da órbita terrestre a bordo do foguete Falcon 9 (da SpaceX), até chegarem à tão amada pessoa destinatária. 

"Com a iniciativa, vamos enviar todas essas palavras românticas para o espaço e depois as entregaremos diretamente para as mãos de uma pessoa querida, algo que 90% das brasileiras gostariam de receber, segundo a nossa pesquisa", acrescenta.

Quando chegou ao fim o prazo para cadastrar as cartas de amor, mais de 40.000 pessoas de 11 países diferentes haviam participado. As 1.000 cartas que receberam mais votos serão enviadas fisicamente para a Estação Espacial Internacional, onde passarão seis meses em órbita antes de serem enviadas para o destinatário assim que retornarem à Terra. A viagem percorrerá a distância equivalente a uma ida e uma volta da Terra até Vênus, o planeta do amor.

Sobre o AdoteUmCara


Fundado pelos empresários franceses Manuel Conejo e Florent Steiner, o AdoteUmCara seduziu mais de 27 milhões de pessoas em todo o mundo e conta com o mesmo número de mulheres e homens entre os seus usuários. Tendo um conceito simples como a chave do seu sucesso, baseado na inversão de papéis, a marca continua o seu desenvolvimento internacional em 11 países e em dois continentes, mantendo-se não convencional e um tanto transgressora. Está disponível no site AdoteUmCara e no aplicativo para Android e iPhone.


Fonte/Imagem-reprodução-divulgação: Assessoria de Imprensa


Nenhum comentário:

Postar um comentário