sexta-feira, 2 de julho de 2021

1º FIC RIO - FESTIVAL INTERNACIONAL DE CURTAS AGORA NO FORMATO ON-LINE!

 

Apesar da imensa vontade dos organizadores de que o festival acontecesse presencialmente, a primeira edição do FIC RIO – Festival Internacional de Curtas no Rio de Janeiro – acontecerá agora de forma totalmente on-line e gratuita pelo Canal do FIC RIO no YouTube (www.youtube.com/c/FICRIO). Entre os dias 26 e 31 de julho de 2021, no conforto e segurança de sua casa, será possível MARATONAR 70 curta-metragens incríveis, com o melhor do cinema independente nacional e internacional.

 

FIC RIO nasceu com o objetivo de ser mais uma vitrine a trazer visibilidade ao cinema independente, mais especificamente aos curta-metragens, dando voz e rosto aos realizadores e profissionais que coletivamente participam da criação de um filme.

 

Foram 330 filmes inscritos, sendo 246 curtas nacionais, vindos de 17 estados brasileiros, e 84 curtas estrangeiros, vindos de 27 países. Com curadoria de Ivann Willig, Luana Willig e Zeca Teixeira, setenta e sete filmes foram selecionados para concorrer às indicações no expressivo número de 24 categorias a serem premiadas com o Troféu Escolhas. Com destaque para uma categoria que muito orgulha a organização do FIC RIO, a de Melhor Filme Universitário, com uma seleção de filmes que traz confiança na manutenção da relevância do nosso cinema nacional. E a difícil escolha dos vencedores desta primeira edição ficou a cargo de um trio de jurados altamente gabaritado: Clarissa Kuschnir, David Massena e Daniel Machado.

 

Dira Paes, uma das atrizes de maior expressão do cinema nacional, com mais de 40 trabalhos entre curtas e longas, abrilhantará o FIC RIO como a grande homenageada de sua primeira edição.

 

Festival contará ainda com a participação da cineasta baiana Ceci Alves, como curta-metragista convidada.

 

Como esquenta para o 1° FIC RIO, já é possível conferir, no Canal do Festival no YouTube (www.youtube.com/c/FICRIO), trailer e sinopse dos curtas, os indicados em cada categoria, além de bate-papos sobre cinema independente que a organização do Festival está realizando com os diretores.

 

A programação completa será divulgada em breve no site (www.ficrio.com) e nas redes sociais do Festival (Instagram: www.instagram.com/fic_rio / Facebook: www.facebook.com/festivalficrio)

 

SELECIONADOS 1° FIC RIO

 

FICÇÕES

1996 (Rodrigo Brandão – MG)

A Barca (Nilton Resende – AL)

Abismo (Ivan de Angelis – RJ)

Açoite (Arthur Minoves – MG)

A Volta Pra Casa (Diego Freitas – SP)

Besta-Fera (Wagno Godez – AL)

Boar’s Road (Jorge F. S. Neto – SP)

Contraponto (Marcoz Gomez – ES)

Delegacia Carioca (Rafael Calomeni – RJ)

Desassossego (Fabi Penna – SC)

Dicotomia (Alexandre Prados – SP)

Ela Acorda Cedo (Elisa Aleva – SP)

Ensaio (Diego Lajst – SP)

Legítima Defesa (Vic Kings – SP)

Malandro de Ouro (Flávio C. Von Sperling – MG)

Mauro (João Gabriel Caffarelli – DF)

Memórias (André Siqueira – PR)

O Embrolho (Robertchay Rocha – GO)

O Menino das Estrelas (Irmãos Christofoli – RS)

O Menino da Terra do Sol (Michel Marchetti – RS)

O Padre & O Bento (Eduardo Calegari – PR)

O Quarto Negro (Carlos Kamara – PE)

O Que Passou Está Ainda Por Vir (Lucas Marques – RJ)

O Véu de Amani (Renata Diniz – DF)

Óleo Sobre Tela (Elisa Aleva – SP)

Olho Morto (Julio Quinan – GO)

Modelo Morto, Modelo Vivo (Iuri Bermudes & Leona Jhovs – SP)

Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre (Guilherme Andrade – SP)

Nasci Pra Ti, Antes de Haver o Mundo (Lucas Marques – RJ)

Náusea (Thomas Webber – PR)

Regalo (Ricardo Martins – RJ)

Samy (Paulo Téspis – RJ)

Sinfonia da Destruição (Rodney Gonzaga Barbosa – SP)

Sob o Olhar da Chuva (Nalú Souza & Walklenguer Oliveira – SP)

Vampiros (Filipe Silveira – MS)

 

ANIMAÇÕES

616 (Hiram G. Rodriguez – México)

Blanket (Marina Moshkova – Rússia)

(Des)Matamento (Gunga Guerra – RJ)

Hornzz (Lena Franzz – RJ)

O Celaticomus (Marcelo Tannure – MG)

O Malabarista (Iuri Moreno – GO)

Ratos Intrépidos (Miriam García Gómez & Sara García Gómez – Espanha)

 

DOCUMENTÁRIOS

Argemira (Bosco da Costa – PE)

Arquivo (Marta Miskaryan – Inglaterra)

Homens Invisíveis (Luis Carlos de Alencar – RJ)

Invasão Drag (Rafael Ribeiro – RJ)

Libertai (Bill Szilagyi – Botsuana)

O Afeto & A Rua (Thiago Köche – RS)

Pode Ficar à Vontade (Bernardo Silvino – MG)

Rosa de Aroueira (Monica Mac Dowell – RN)

Sabrina (Jéssica Barreto – SP)

Sure Beile (Samy Waitzberg – SP)

Visibles (Enrique Rey Monzon – Espanha)

 

ESTRANGEIROS

A Leaf (Bishara Shoukry – Egito)

A Margem (Rodrigo Tavares – Portugal)

La Fille de La Marée (Julien Viala – França)

Libertad 121 (David Eira Pire & Javier Rossanigo – Argentina)

Mariposa (Dimitri Luedemann – Estados Unidos)

Memories (Jose Vega – Espanha)

Palanteer M’bedd (Mamadou Diop – Senegal)

Rasta (Samir Benchikh – França)

Sofia (Filipe Ruffato & Gonçalo Viana – Portugal)

The Circus Is Closed (Sophy Shushkova – Bulgária)

Transfugo (Rodrigo Tavares – Portugal)

Viejos Estandartes (Sebastián Videla – Chile)

 

UNIVERSITÁRIOS

A Elipse do Tempo (Luan Moreno – UNESA – RJ)

Através dos Sentidos (Gilson Nascimento – UNESA – RJ)

Cada Caso É Um Caso (Gustavo Andrade – PUC MINAS – MG)

Clepto (Ane Hinds – UNESA – RJ)

Copacabana Madureira (Leonardo Martinelli – UNESA – RJ)

Entre Silêncios (Marcelo Augusto – PUCRS – RS)

Não Me Chame Assim (Diego Migliorini – FAAP – SP)

Os Dias que Escondem As Noites (Rogerio Cavalcante e Castro – UFF – RJ)

Quem Dera Fosse Stanislavski (César Augusto & Matheus Fabry – PUCRS – RS)

Ruth (Igor Dalbone – FAAP – SP)

Tá Foda (Aline Golart, Denis Souza, Fernanda Maciel, Ícaro Castello, Lígia Torres & Victória Sugar – UFPEL – RS)

Vrá-sil (Mateus Jácome – UFPB – PB)

 

INDICADOS 1° FIC RIO

 

MELHOR FILME

A Volta Para Casa

Besta-Fera

Memórias

Modelo Morto, Modelo Vivo

Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre

Nasci Pra Ti, Antes De Haver O Mundo

O Embrolho

Olho Morto

Regalo

Samy

 

MELHOR DIREÇÃO

André Siqueira (Memórias)

Diego Freitas (A Volta Para Casa)

Fabi Penna (Desassossego)

Guilherme Andrade (Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre)

Iuri Bermudes & Leona Jhovs (Modelo Morto, Modelo Vivo)

Julio Quinan (Olho Morto)

Lucas Marques (Nasci Pra Ti, Antes De Haver O Mundo)

Robertchay Rocha (O Embrolho)

Thomas Webber (Náusea)

Wagno Godez (Besta-Fera)

 

MELHOR ATOR

Filipe Rios (Besta-Fera)

José de Campos (Mauro)

Lima Duarte (A Volta Para Casa)

Ricardo Martins (Regalo)

Roberto Garcia Márquez (Olho Morto)

Roney Villela (Desassossego)

Tonico Pereira (O Embrolho)

 

MELHOR ATRIZ

Adriana Guerra (Sob O Olhar Da Chuva)

Caroline Roehrig (Memórias)

Isabél Zuaa (Malandro De Ouro)

Julia Moraes (Nasci Pra Ti, Antes De Haver O Mundo)

Leona Jhovs (Modelo Morto, Modelo Vivo)

Marina Azze (Ela Acorda Cedo)

Zezita Matos (Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre)

 

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Alessandro Ramos (Olho Morto)

Charles Paraventi (Delegacia Carioca)

Eron Cordeiro (Besta-Fera)

Felipe Bustamante (Regalo)

Guilherme Rodio (A Volta Para Casa)

Paulo Matos (O Padre & O Bento)

Rodrigo Sanches (Modelo Morto, Modelo Vivo)

 

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Bruna Benassi (Memórias)

Fernanda Viacava (Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre)

Kelita Carvalho (Ensaio)

Mariah Morello (Besta-Fera)

Tuna Dwek (Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre)

Vitoria Raciane (Nasci Pra Ti, Antes De Haver O Mundo)

Wanderlândia Melo (A Barca)

 

MELHOR ATOR OU ATRIZ INFANTIL

Eduardo Giovanella (O Menino Da Terra Do Sol)

Emanuele Gransnievcz (O Menino Da Terra Do Sol)

Érika Beatriz Santos (O Véu De Amani)

Guilherme Pacheco (O Menino Das Estrelas)

Mariah de Andrade Praia (O Véu De Amani)

 

MELHOR ROTEIRO

Abismo (Ivan de Angelis)

A Volta Para Casa (Diego Freitas)

Delegacia Carioca (Lucas Domso)

Malandro De Ouro (Flávio C. Von Sperling)

Memórias (Airen Wormhoudt & André Siqueira)

Modelo Morto, Modelo Vivo (Iuri Bermudes & Leona Jhovs)

Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre (Guilherme Andrade)

Nasci Pra Ti, Antes De Haver O Mundo (Lucas Marques)

Regalo (Ricardo Martins)

Samy (Tadeu Tannouri)

 

MELHOR FOTOGRAFIA

Besta-Fera (Henrique Oliveira)

Desassossego (José Penna & Felipe Alberto)

Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre (André Tashiro)

Náusea (Vinni Gennaro)

Olho Morto (Jorge Daur)

O Menino Da Terra Do Sol (Dandy Marchetti)

O Que Passou Está Ainda Por Vir (Lucas Marques)

 

MELHOR FIGURINO

1996 (João Vitor Lusvardi)

Besta-Fera (Wellima Kelly)

Náusea (Trícia Almeida)

Olho Morto (Iasmin Almeida)

O Menino Da Terra Do Sol (Mariane Collovini)

O Quarto Negro (Francis de Souza)

O Que Passou Está Ainda Por Vir (Inez Azze)

 

MELHOR DIREÇÃO DE ARTE

1996 (Aline Freitas)

Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre (Ana Carolina Montagnana)

Náusea (Camila Kogut)

O Menino Da Terra Do Sol (Sheila Marafon)

O Quarto Negro (Thiago Amaral)

O Que Passou Está Ainda Por Vir (Zé Pedro Baroni)

Regalo (Raphael Elias)

 

MELHOR MAQUIAGEM E/OU PENTEADOS

1996 (Filipe Vidal)

Boar’s Road (Thais Camylo)

Dicotomia (Giulia Falcone)

Malandro De Ouro (Alexandre Brunoro)

O Quarto Negro (Eline Soares)

Samy (Clarissa Vasconcelos)

 

MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL E/OU CANÇÃO

A Volta Para Casa (Ed Côrtes)

Desassossego (Leandro Cordeiro)

Hornzz (Felipe dos Santos)

Memórias (Canja Audio Culture)

Não Me Esqueças, Me Ame Para Sempre (Pé Grande)

Náusea (Cesinha Mattos)

O Embrolho (André Luiz Machado)

 

MELHOR EDIÇÃO

1996 (Rodrigo Brandão & Filipe Vidal)

Abismo (Ivan de Angelis)

Ela Acorda Cedo (Elisa Aleva)

Memórias (André Albuquerque)

Náusea (Haroldo Castro Alves)

Olho Morto (Julio Quinan)

Samy (Paulo Téspis)

 

MELHOR DESENHO DE SOM

1996 (Rodrigo Brandão)

Dicotomia (Alandson Silva & Bianca Santos)

Ela Acorda Cedo (Helena Duarte)

Náusea (Cesinha Mattos)

Olho Morto (Julio Quinan & Roberto Garcia Márquez)

O Malabarista (Thiago Camargo & Guilherme Nogueira)

O Menino Das Estrelas (Augusto Stern & Fernando Efron)

 

MELHOR EFEITOS VISUAIS

1996 (Rodrigo Brandão)

O Menino Das Estrelas (Rafael Duarte)

Sinfonia Da Destruição (Rodney Gonzaga)

 

MELHOR ANIMAÇÃO

616 (México)

Blanket (Rússia)

(Des)Matamento

Hornzz

O Celaticomus

O Malabarista

Ratones Intrépidos (Espanha)

 

MELHOR FILME UNIVERSITÁRIO

A Elipse Do Tempo (UNESA – RJ)

Através Dos Sentidos (UNESA – RJ)

Clepto (UNESA – RJ)

Entre Silêncios (PUCRS – RS)

Não Me Chame Assim (FAAP – SP)

Os Dias Que Escondem As Noites (UFF – RJ)

Quem Dera Fosse Stanislavski (PUCRS – RS)

Ruth (FAAP – SP)

Tá Foda (UFPEL – RS)

Vrá-Sil (UFPB – PB)

 

MELHOR DOCUMENTÁRIO

Argemira

Arquivo

Homens Invisíveis

Invasão Drag

Libertai

O Afeto E A Rua

Rosa De Aroueira

Sabrina

Sure Beile

Visibles

 

MELHOR FILME ESTRANGEIRO

A Leaf (Egito)

A Margem (Portugal)

La Fille De La Marée (França)

Memories (Espanha)

Palanteer M’bedd (Senegal)

Rasta (França)

Sofia (Portugal)

The Circus Is Closed (Bulgária)

Transfugo (Portugal)

Viejos Estandartes (Chile)

 

MELHOR DIREÇÃO ESTRANGEIRA

Bishara Shoukry (A Leaf)

Filipe Ruffato & Gonçalo Viana (Sofia)

Jose Vega (Memories)

Rodrigo Tavares (A Margem)

Rodrigo Tavares (Transfugo)

Samir Benchikh (Rasta)

Sophy Shushkova (The Circus Is Closed)

 

MELHOR ATOR ESTRANGEIRO

Antonio Évora (Transfugo)

Beto Coville (Transfugo)

Beto Coville (A Margem)

Israel Essias Mel (Rasta)

Philip Goulyashki (The Circus Is Closed)

 

MELHOR ATRIZ ESTRANGEIRA

Bleu Brigitte (Rasta)

Claudia Cantero (Libertad 121)

Lisa Romain (Mariposa)

Luísa Ortigoso (A Margem)

Nucha Martins (Transfugo)

 

MELHOR CARTAZ

Abismo

Açoite

Cada Caso É Um Caso

Contraponto

Copacabana Madureira

La Fille De La Marée

Legítima Defesa

Modelo Morto, Modelo Vivo

Náusea

Óleo Sobre Tela

Olho Morto

O Menino Da Terra Do Sol

O Quarto Negro

Pode Ficar À Vontade

Vampiros

Fonte: Assessoria de Imprensa


Nenhum comentário:

Postar um comentário