sexta-feira, 1 de outubro de 2021

ARRIBAÇÃ COMEMORA TRÊS ANOS

 


A Arribaçã Editora comemora três anos de criação. Sediada em Cajazeiras, Alto Sertão da Paraíba, a editora foi criada em 2018 pelos poetas e jornalistas Lenilson Oliveira e Linaldo Guedes e anuncia os lançamentos dos novos livros de W. J. Solha, José Inácio Vieira de Melo e Thélio Queiroz Farias. Até o final do ano, serão publicadas, ainda, obras de Braulio Tavares, Ivy Menon, Francisco Edino, Edvaldo Nunes e o primeiro livro da Coleção Horizontes.

Com mais de 40 títulos publicados, a Arribaçã Editora não parou nem mesmo na pandemia. Pelo contrário. Este ano, inaugurou seu braço físico, a Livros & Companhia, livraria instalada na rua Epifânio Sobreira, centro de Cajazeiras, com obras da Arribaçã, de editoras parceiras (Lamparina, Outubro e Escaleras), além de um pequeno sebo, artesanato e camisetas. No site da Arribaçã, todos os livros estão à venda, inclusive os das editoras parceiras. A novidade agora é que a Livros & Companhia também venderá obras no sistema delivery para quem reside em Cajazeiras e o leitor poderá receber no conforto de sua casa o livro adquirido no site da editora.

Arribaçã, também conhecida como avoante, é um termo usado no Nordeste para designar uma espécie de ave migratória, que aparece no sertão, no fim do inverno. Em enormes bandos procuram comida em lugares onde cresce capim com sementes. Arribaçã, a editora, foi criada para abrir espaço para a nova literatura nacional, publicando autores e autoras de todo o país, alguns até residindo no exterior.

“Trabalhamos com livros literários, de contos, romances, novelas e poesia, mas também com livros acadêmicos ou jornalísticos, biografias e memórias. A nossa intenção é ter mais um canal de produção de livros na Paraíba, com alcance para todas as regiões do país, com livros com a qualidade editorial de qualquer editora do mercado brasileiro”, afirmam os editores.
 
Confira os livros já publicados em 2021
 
Minhas frases dos outros – Thélio Queiroz Farias
Resgate histórico dos cem anos da Paróquia de Santana de Luís Gomes – Vários
As Mulheres Poetas na Literatura Brasileira – Rubens Jardim
Ao sabor do vento – Eugénia Tabosa
Poemas embalados a vácuos – Antônio Aurélio Cassiano de Andrade
Marta: a menina que descobriu o futebol – Daiana Targino
O feudo do morto – Elmano Menezes
Ilha Perdida – Porcina Furtado
Quatrocentona: Código de Posturas & Imposturas Líricas da Cidade de São Luís do Maranhão – Luís Augusto Cassas
O poema é mais belo que o título – Nágila de Sousa Freitas
Ecos do céu da boca – Clariça Ribeiro

Fonte/Foto-reprodução-divulgação: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário