segunda-feira, 18 de abril de 2022

CUIDADO NA HORA DE ESCOLHER UMA PANELA PARA SUA COZINHA

 


O utensílio considerado praticamente como o protagonista na cozinha dos lares brasileiros pode trazer alguns riscos à saúde. Isso porque alguns materiais utilizados para a confecção de panelas podem conter compostos químicos sintéticos que afetam o organismo. 


A professora Thais Trindade, doutora em Biotecnologia e docente dos cursos de Gastronomia, Nutrição, Biomedicina e Farmácia da Universidade Tiradentes (Unit Sergipe), explica como e porquê certos materiais podem ser prejudiciais à saúde. “Alguns materiais, por apresentar algumas substâncias químicas, são capazes de interferir no sistema endócrino, como por exemplo os recipientes de plástico. Com a panela não é diferente, pois existem diversos tipos que também podem contaminar alimentos com metais”, destaca.


Outro exemplo dado por ela é o das panelas de barro, que, por serem porosas, podem levar ao acúmulo de resíduos de alimentos, facilitando o desenvolvimento de microrganismos. “É importante observar o alimento para escolher o tipo de panela, pois alimentos ácidos quando cozidos em panelas de cobre estimulam a liberação do mesmo”, acrescenta a docente da Unit. 


Sobre as vasilhas de plástico, a especialista também faz um alerta: elas não podem ser usadas nos microondas, o objeto pode contaminar o alimento ao liberar substâncias tóxicas como o bisfenol-a (BPA), um composto utilizado na produção de plásticos e resinas. “Já foi comprovado que o consumo elevado de BPA pode causar alguns tipos de câncer, como o câncer de mama e próstata, além de provocar alterações no sistema endócrino, caso utilize o material em sua rotina, por isso devem ser evitados”, recomenda Thais.

.

Mas, afinal, qual seria a melhor opção na hora de adquirir uma panela? Para a especialista em Gastronomia e Higiene e Segurança dos Alimentos, o material mais recomendável para uso, inclusive no microondas, são os potes e panelas de vidro. “A panela de vidro é a mais saudável de todas, pois não libera nenhum resíduo. Em se tratando pela escolha do critério saúde, o material que escolheria seria o vidro. Porém, tem o lado negativo com relação à condução do calor”, opina ela. 


Legenda: Alguns materiais utilizados para a confecção de panelas podem conter compostos químicos sintéticos que afetam o organismo (Quang Nguyen Vinh/Pexels) 


Fonte: Asscom | Unit Sergipe

Nenhum comentário:

Postar um comentário