sexta-feira, 29 de julho de 2022

6 DICAS PARA ESTUDANTES QUE VÃO MORAR SOZINHOS PELA PRIMEIRA VEZ EM UMA NOVA CIDADE POR SHARE STUDENT LIVING

 

1.Organize seus coletos


Controlar os próprios boletos e fazer contas para gerenciar a sobrevivência em outra cidade é o que pode definir a entrada do jovem na vida adulta. Por isso, é importante ter visibilidade de todos os gastos, em uma agenda, planilha ou por meio de diversos aplicativos que existem gratuitamente hoje com este intuito. Outra dica é colocar todos os boletos para a mesma data, para não haver confusão ou esquecimento.

2. Controle sua saúde


Nem só de delivery e fast-food vive o jovem! Uma alimentação balanceada é base para um bom desempenho em qualquer área, e como contar com a comida caseira familiar não é mais uma opção viável ao longo prazo, o jeito é maratonar aquele canal de gastronomia e tentar replicar as receitas que bombam nas redes. O único risco é descobrir um hobby que poderá ser útil para amenizar a ansiedade e gerar momentos de diversão. Mas a dica de ouro é criar cardápios semanais e cozinhar com antecedência. Isso ajudará na rotina, principalmente em época de provas.


3. Se localize!

Desbravar o desconhecido é uma delícia para quem exala juventude, mas num ambiente totalmente novo e sem o apoio de familiares e amigos de longa data, é importante fazer uma pesquisa apurada sobre a região em que vai morar e estudar. Por isso é tão importante encontrar soluções como moradias estudantis, que oferecem toda estrutura e a melhor opção de localidade: próximo das principais universidades e centros comerciais e culturais, para que o acesso a todas as necessidades seja fácil e funcional. Antes de mudar, descubra todos os melhores restaurantes, lojas de serviços e opções com bom custo-benefício na região, assim você já saberá para onde se direcionar no período de adaptação.

4. Responsabilidade de adulto.


Ao se deparar com a liberdade de estar sozinho em uma nova cidade, o jovem pode querer aproveitar mais os momentos de diversão do que se dedicar as suas obrigações como estudante. Para um bom desenvolvimento acadêmico, é essencial adotar noites de sono bem dormidas. Além de ser reparador, o sono regula o metabolismo e te ajuda a ter um dia mais produtivo. É extremamente importante equilibrar os momentos de passeios e diversão com jornadas de estudo e tarefas domésticas necessárias para sobrevivência. Para não perder o foco, a dica é adotar práticas diárias de meditação, bem como se organizar e planejar seu tempo livre e de trabalho antecipadamente.

5. Esteja pronto para os perrengues.


Mesmo planejando todos os detalhes com antecedência e mantendo uma organização diária de tarefas, é possível que os perrengues apareçam nas primeiras experiências da vida adulta. Não se abale e tenha sempre em mente que é errando, que se aprende. Além disso, ser adulto é ter problemas, então a dica é manter a calma e tentar estabelecer alguma proximidade com a vizinhança, assim é possível pedir por ajuda quando necessário.

6. Se comunique!

Nada gera mais experiência do que a troca, então não deixe de se comunicar com as pessoas que convivem ao seu redor, fora das telinhas, você possivelmente vai contar com algumas delas nos momentos de perrengue na nova cidade e, quem sabe, realmente fazer novos amigos e conexões para levar para a vida. 

Fonte/Foto-Reprodução-divulgação: Assessoria de Imprensa-Legenda: Residenciais coletivos são a melhor opção para estudantes e jovens que buscam apoio e segurança no primeiro momento morando sozinhos. Na imagem, espaço de interação coletivo do Share Consolação, em São Paulo 

Nenhum comentário:

Postar um comentário