domingo, 11 de dezembro de 2016

CHEGOU A HORA DE CONHECER CURITIBA

Curitiba é uma cidade que conta com suas peculiaridades durante vários meses do ano. A começar por seu clima, mais ameno, mesmo nos meses mais quentes, como no verão. Pela cidade, diversos parques e pontos turísticos fazem os moradores e visitantes sentirem-se em casa, tanto para conversar com os amigos, sair com a família e até mesmo ter contato com a cultura local.

A capital paranaense conta com a Linha Turismo, ônibus que roda por diversos pontos turísticos em toda a cidade. Ela opera regularmente de terça a domingo, das 9h às 17h30, com saída inicial na Praça Tiradentes, no centro da cidade. Nos períodos de férias de julho, e de dezembro a fevereiro, a Linha Turismo passa a funcionar todos os dias.

Entre os locais de maior visitação da capital paranaense está a Ópera de Arame, que foi inaugurada em 1992. Em meio a lagos, vegetação típica e cascatas, faz parte do Parque das Pedreiras juntamente com a Pedreira Paulo Leminski. Outro lugar de destaque é o Museu Oscar Niemeyer, mais conhecido como MON. Ele é um dos maiores museus da América Latina e seu acervo abriga mais de 2.200 obras de artistas reconhecidos nacional e internacionalmente. Foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, onde a forma do anexo conferiu ao MON o apelido de “Museu do Olho”.

Os parques curitibanos, reconhecidos em todo o país, são uma atração à parte no roteiro de lazer. O Jardim Botânico é um dos lugares mais conhecidos. Inspirado nos jardins franceses, o local tem com uma grande estufa, onde conta com muitas flores e plantas nativas, além de belos corredores, com espaço para piqueniques e reuniões. O Parque Barigui é outro ponto de encontro curitibano. Lugar preferidos dos amantes de esportes ao ar livre, o parque conta com uma área verde grande, além de um centro de convenções, restaurantes e bares. Já o Parque Tanguá conta com um dos pôr-do-sol mais bonitos da cidade, e tem ainda duas pedreiras unidas por um túnel, que pode ser atravessado a pé por uma passarela sobre a água.

Por fim, em meio a agitação do centro, os turistas podem encontrar na Rua 24 Horas, um lugar para se alimentar e conhecer mais um ponto turístico tipicamente curitibano. Com um mix de sabores em seus mais variados restaurantes, a Rua 24 Horas se transformou em um polo gastronômico, onde é possível fazer todas as refeições durante o dia. “Hoje somos uma grande praça de alimentação a céu aberto. Estamos em um dos marcos de Curitiba, onde as pessoas podem transitar, se reunir e trazer a família para conhecer e se alimentar”, coloca Luiz Felipe Nodari, presidente da Associação de Lojistas da Rua 24 Horas.

Para mais detalhes sobre passeios turísticos em Curitiba, acesse o site www.turismo.curitiba.pr.gov.br

Fonte/foto-crédito: Junior - P+G Comunicação Integrada


Nenhum comentário:

Postar um comentário