domingo, 21 de abril de 2019

DENISE MILAN PARTICIPA DA COLETIVA GLASSTRESS, MOSTRA PARALELA À 58ª BIENAL DE VENEZA


No dia 9 de maio estreia em Murano, na Itália, a coletiva GLASSTRESS, tradicional e conceituada mostra que acontece paralelamente à 58ª Bienal de Veneza, reunindo artistas contemporâneos oriundos da Europa, Estados Unidos, América Latina, Índia e China. A paulistana Denise Milan está entre os artistas convidados por Vik Muniz e Koen Banmechelen, os também artistas que assinam a curadoria desta edição.

Organizada desde 2009 pela Fundação Berengo – iniciativa que une técnicas com vidro ao design e à arte contemporânea –, a GLASSTRESS volta a suas raízes históricas em Murano, ilha de Veneza mundialmente reconhecida pela produção de vidro. Em seu décimo aniversário, amostra ocupa um espaço abandonado onde anos atrás funcionava um forno de vidro. Os curadores convidaram 196 artistas, nomes como Ai Weiwei, Tony Cragg, Carlos Garaicoa e Saint Clair Cemin, a explorar as infinitas possibilidades criativas do vidro e trazer obras compostas pelo material.

Ao encontro disto, Denise Milan apresenta a instalação Banquete da Terra (2018), trabalho que integrou a individual orDeNAção: o DNA dapedra, exposição sob curadoria de Marcello Dantas, em cartaz na Galeria Lume, em São Paulo, entre outubro e novembro de 2018. Criada a partir de uma série de fragmentos de vidro e outros minerais, a obra traz esses elementos sobre uma mesa, tal como pratos da alta gastronomia. "O Banquete da Terra é um convite para degustar os minerais, mastigar as origens, digerir esses conhecimentos e transformar nossa percepção da Natureza", explica a artista.

Para Denise, uma pedra se converte em arte quando nos afeta por sua metáfora e traz sentido para a humanidade. Ao inventar a linguagem das pedras e decodificar os minerais, a artista revela o que aprendeu ao transitar por outros mundos, visíveis e invisíveis. "Conquistei a liberdade de transmigrar para matérias de diferentes naturezas, a essência desses ensinamentos", completa.

Também em 2018, a artista foi selecionada pelo curador Gabriel Pérez-Barreiro para participar da 33ª Bienal de São Paulo - Afinidades Afetivas, na qual exibiu uma grande instalação inédita composta por cristais e ametistas de diversos tamanhos das cavernas brasileiras. Algumas delas, gigantes, selecionadas pela artista, por sua semelhança com figuras humanas. Uma inclusão dos seres humanos na narrativa do processo de criação da Terra abordada pela artista.

Sobre Denise Milan

Natural de São Paulo, Denise Milan é uma artista com vasta experiência multidisciplinar, que usa a pedra como seu eixo criativo, tendo elaborado obras nas áreas de arte pública, escultura, artes cênicas, poesia, impressão e videoarte. Trabalha, também, com especialistas em ciência e tecnologia, antropologia, filosofia, literatura e música.

Pioneira do movimento arte pública no Brasil é ativista na sua difusão em seu país e internacionalmente. Em São Paulo, possui uma série de esculturas públicas, entre as quais Drusa, no Vale do Anhangabaú e Ventre da Vida, no Metrô Clínicas.

Sua obra foi exposta em diversas instituições, no Brasil e no exterior: em São Paulo, no Museu de Arte Moderna (MAM), Museu de Arte de São Paulo (MASP), do Museu de Arte Contemporânea (MAC), Sesc e nas galerias São Paulo, Nara Roesler, Millan e Lume, que a representa no Brasil; em Brasília, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), no exterior, já expôs no Barbican Centre (Londres); PSONE, Art in General (Nova York); EXPO 2000 (Hanover); EXPO 90; Museu de Arte Contemporânea, Art Institute, no Cultural Center e no Adler Planetarium (Chicago); no Kennedy Center for the Performing Arts (Washington), no Palazzo del Monte Frumentario (Assis); Wilson Center (Washington D.C.); na Galeria D'Architecture (Paris) e, mais recentemente, participou do COP22 e do DO-FEST, ambos em Marrakesh.

A artista participou ainda de três edições da Bienal de São Paulo: 20ª (1989), 21ª (1991) e 33ª (2018).
Serviço:

GLASSTRESS 2019

Local: Berengo Art Space Foundation

Endereço: Campiello Della Pescheria, Murano

Preview para imprensa: 8 de maio de 2019, das 10h às 14h

Vernissage: 8 de maio de 2019, das 18h às 20h

Período expositivo: de 9 de maio a 24 de novembro

Foto/Crédito: Sergio Coimbra - Legenda: Denise Milan, 2019

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário