sexta-feira, 5 de abril de 2019

NOVO LONGA DE VICENTE AMORIM REÚNE MARIETA SEVERO, ELISABETTA DE PALO E O INDICADO AO OSCAR GIANCARLO GIANNINI



Vencedor do prêmio de melhor ator no Festival de Cannes pelo longa Amor e Anarquia, de 1973, e indicador ao Oscar por sua atuação em Pasqualino Sete Belezas, de 1975, ambos de Lina Wertmüller, o ator italiano Giancarlo Giannini forma com sua conterrânea Elisabetta de Palo (das séries My Brilliant Friend Suburra) e a brasileira Marieta Severo o trio de protagonistas de Duetto, novo longa de Vicente Amorim. O filme começou a ser rodado esta semana, no Rio de Janeiro, e tem ainda no elenco Gabriel Leone, Luisa ArraesMaeve Jinkings, Rodrigo Lombardi (em participação especial) e o ator italiano Michele Morrone.
Falado em português e italiano, Duetto se passa nos anos 1960 e terá ainda cenas rodadas na região da Apúlia, na Itália meridional. O roteiro é assinado por João Segall e Rita Buzzar, que também está à frente da produção através da sua Nexus Cinema.

Elisabetta de Palo

Atriz com longa carreira em teatro, cinema e televisão, Elisabettade Palo alcançou sucesso popular após ter vivido a personagem Mirella Bonelli na novela Vivere, entre 1999 e 2008, na tevê italiana. Em 2017, integrou o elenco de Suburra, a primeira produção italiana da Netflix, e logo depois estrelou a série My Brilliant Friend, que teve como produtor executivo Paolo Sorretino, diretor dos longas de Juventude (2015) e A grande beleza (2014).

Giancarlo Giannini

O italiano Giancarlo Giannini construiu uma das carreiras mais prolíficas e versáteis do cinema. Atuou em mais de 120 filmes, parte deles ao lado de grandes diretores europeus como Luchino ViscontiEttore ScolaAlberto LattuadaMario MonicelliRainer Werner Fassbinder e os irmãos Taviani. Sua profícua parceria com a hoje nonagenária diretora Lina Wertmüller lhe rendeu o prêmio de melhor ator em Cannes e também a indicação ao Oscar de melhor ator.

A fluência em inglês ajudou a transformá-lo em uma presença constante em Hollywood. Ele deu vida ao inspetor Pazzi em Hannibal, de Ridley Scott; apareceu ao lado de Denzel Washington em Chamas da Vingança; contracenou com Keanu Reevesem Caminhando nas Nuvens; foi dirigido por Francis Ford Coppola em um dos Contos de Nova York; e teve o feito inédito de participar de dois filmes seguidos da série 007, ao lado de Daniel Craig- em Cassino Royale(2006) e Quantum of Solace(2008).

Como diretor, Gianninise arriscou atrás das câmeras apenas duas vezes: em Ternosecco, de 1987, e com Ti ho cercata in tutti i necrologi, somente 26 anos depois.Curiosamente, ele é também reconhecido como um mestre na arte de dublar. O ator arrancou elogios públicos do diretor Stanley Kubrick depois de ceder sua voz a Jack Nicholson na versão italiana de O Iluminado.

Marieta Severo

A atriz e produtora Marieta Severo é uma das artistas mais premiadas do país. Ao longo de 50 anos de carreira, estrelou mais de 20 produções para a tevê, 30 peças de teatro e 40 filmes. Foi intérprete de personagens icônicos como a Dona Nenê, do seriado A Grande Família (transmitido pela TV Globo entre 2001 e 2014), e a protagonista do filme Carlota Joaquina, Princesa do Brazil (1995), de Carla Camuratti. Ao lado da atriz e amiga Andréa Beltrão, com quem dividiu o palco inúmeras vezes, inaugurou os teatros Poeira Poeirinha, espaços de discussão, estudo, intercâmbio e encenação de espetáculos teatrais, no coração do Rio de Janeiro.

Fonte/Foto-reprodução/divulgação: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário