quarta-feira, 7 de outubro de 2020

VOCÊ SABE PARA QUE SERVE UM SINDICATO?

 

O objetivo principal dos sindicatos é criar uma rede de empreendimentos de uma mesma área, com um interesse em comum, discutindo e solucionando problemas do segmento, defendendo direitos trabalhistas e promovendo melhorias nas áreas.

No setor de moda em Minas Gerais, um dos mais atuantes é o Sindijoias Ajomig, que representa empresas da cadeia produtiva de joias, folheados, bijuterias, pedras preciosas e relógios do estado. Segundo seu presidente Manoel Bernardes, os sindicatos são pautados na coletividade pois todos ali estão lutando por interesses comuns; a entidade também estimula a troca de experiências entre as empresas filiadas.

Essa coletividade é legitimada com a filiação de um grande número de pessoas e/ou empresas no setor: quanto maior o número de associados, mais "legitimidade" o sindicato tem e assim consegue mais benefícios. O sindicato realiza reuniões periódicas com o governo para apresentar reivindicações como a redução de impostos; portanto, com mais empresas filiadas, o poder de fala do sindicato é maior. Alguns dos temas discutidos internamente são tributações, legislações, desenvolvimento econômico e interesses coletivos das empresas.

Além das discussões, os sindicatos também são responsáveis por impulsionar atividades e oportunidades direcionadas aos participantes. Por exemplo, o Sindijoias Ajomig fomenta a economia local e capacita as empresas por meio de iniciativas como cursos gratuitos ou com preços acessíveis para os filiados, tais como qualificação em ourives e aperfeiçoamento em Fundição de Joias que serão oferecidos em breve. Parcerias com o SEBRAE e também com a FIEMG são importantes, possibilitando consultoria grátis aos filiados.

No Portal da Industria existe uma relação de sindicatos por estados https://www.portaldaindustria.com.br/cni/institucional/sindicatos-por-estado/?estado=MG onde é possível consultar as entidades existentes atualmente no Brasil.

Foto/crédito: Alberto Wu - Legenda: Manoel Bernardes - Fonte: Assessoria de Imprensa


Nenhum comentário:

Postar um comentário