terça-feira, 17 de agosto de 2021

CONHEÇA O INSTITUTO DO RIO DE JANEIRO QUE JÁ AJUDOU MAIS DE 500 FAMÍLIAS

 

Infelizmente, é de conhecimento público que o Brasil é um país onde a desigualdade social é notada facilmente. Enquanto muitas famílias vivem vidas confortáveis, sem preocupações, outras lutam para conseguir ter pelo menos uma refeição ao dia. Segundo o Centro Brasileiro de Macroeconomia das Desigualdades da Universidade de São Paulo (MADE-USP), 19 milhões de brasileiros passam fome.

Diante dessa realidade triste, existem algumas instituições que lutam para acabar com isso todos os dias. Atualmente, apesar de não ser possível ter uma visão clara do terceiro setor, uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontou que no Brasil há cerca de 230 mil ONG’s ativas.

Tendo essa realidade em vista, Daniela Jones, fundadora da empresa de cuidadores de idosos, Said Rio, se comoveu em uma viagem para o Maranhão e resolveu fazer parte do grupo de pessoas que busca por um país mais igualitário.

"Certa vez, fiz uma viagem para os Lençóis Maranhenses, na volta, passamos por um trajeto onde conseguimos ver o estado em que muitas famílias viviam e isso me tocou de uma forma que senti que precisava tomar uma atitude. Então, quando cheguei no Rio de Janeiro juntei inúmeras doações e fiz o mesmo caminho para o Maranhão, entregando à população local tudo o que tínhamos conseguido arrecar", conta Daniela.

Foi assim, que em 2017, a empresária criou o Instituto Gota D’Água. Por ser uma associação que atualmente recebe apoio apenas da Said Rio, eles atuam da seguinte forma: a cada contrato fechado da empresa de cuidadores de idosos, uma cesta básica é doada para as famílias carentes do Maranhão, no final do ano, quando viajam até o estado para fazerem a distribuição.

A fundadora afirma que eles já ajudaram mais de 500 famílias e investiram inicialmente R﹩60 mil para a criação do Gota D’Água e contam com uma equipe com 10 pessoas que participam ativamente do estatuto.

E não para por aí, mesmo tendo apoio de um único lugar, a Said Rio junto com o instituto, apoiam e investem também no Instituto Macedo Soares e Fundação Abrinq, sem contar as causas individuais, como as 80 famílias do Rio de Janeiro que receberam ajuda e crianças e adultos que ganharam tratamentos específicos com os médicos especialistas da empresa.

"Nós acreditamos que ajudar o próximo ajuda a construir um mundo melhor e a incentivar as próximas gerações a serem mais empáticas. A vida é a coisa mais importante e por isso lutamos para que essas famílias tenham pelo menos o básico para vivê-la, queremos expandir nossa área de atuação e apoiar mais causas a cada dia", finaliza.

Sobre a Said Rio

Com mais de 17 anos de trajetória no mercado, a SAID RJ é uma empresa especializada no atendimento domiciliar de idosos. Assistidos por uma equipe completa, os pacientes encontram o diferencial que procuram no atendimento a suas necessidades e de seus familiares. procuram no atendimento

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário