sábado, 7 de abril de 2018

COCA-COLA FEMSA BRASIL REVELA OS VENCEDORES DA 4ª EDIÇÃO DO PRÊMIO SÃO PAULO DE INCENTIVO AO TEATRO INFANTIL E JOVEM



Em cerimônia realizada na capital paulista, a Coca-Cola FEMSA Brasil revelou os premiados da 4ª edição do Projeto São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem. No evento que reuniu prestigiados nomes da dramaturgia, entre diretores, produtores, atores e jornalistas especializados, os indicados concorreram em 18 categorias distintas.  

'O Dragão de Fogo', 'Histórias de Alexandre' e 'Skellig' foram maiores vencedores da noite, faturando três troféus cada um. Destaque para Cristiane Paoli Quito eleita Melhor Diretora por dois dos três espetáculos mais premiados da edição ('Histórias de Alexandre' e 'Skellig') e 'O Dragão de Fogo' como o Melhor Espetáculo Infantil. Já 'Salve, Malala!', da Cia. La Leche, levou o Prêmio Sustentabilidade pela peça em defesa da igualdade dos sexos, do direito à educação e do acesso irrestrito às escolas.

Em momento especial, Cássio Scapin - o eterno Nino do Castelo Rá-Tim-Bum – foi homenageado pela organização do Prêmio, por sua trajetória artística e contribuição à arte e cultura infanto-juvenil. A iniciativa elogiada pelo ator, diretor, produtor e autor Sérgio Mamberti, contou com a apresentação da jurada Beatriz Rosenberg, ex-diretora de programas infantis da TV Cultura e descobridora de Cássio.

O Projeto São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem

O projeto é sucessor do renomado Prêmio FEMSA de Teatro Infantil e Jovem que, após mais de 20 anos de sucesso e colaboração com o desenvolvimento do teatro, teve sua última edição em 2013. A Coca-Cola FEMSA Brasil segue como apoiadora da iniciativa com uso da Lei de Incentivo à Cultura (PROAC – ICMS), da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo.

Para compor a lista, foram avaliados 136 espetáculos e selecionados 88 espetáculos apresentados durante todo o ano de 2017, que tenham cumprido uma temporada com 12 apresentações. A difícil tarefa de escolher os melhores entre tantos excelentes trabalhos desenvolvidos coube ao corpo de jurados formado por Beatriz Rosenberg, Dib Carneiro Neto, Gabriela Romeu e Mônica Rodrigues da Costa.

Wanessa Scabora, Chefe de Sustentabilidade da Coca-Cola FEMSA Brasil, discorreu sobre a parceria e relevância do projeto ao longo de mais 20 anos de realização, "uma continuidade de um sonho que revela e reconhece talentos e enaltece a sustentabilidade como um todo também na arte".

Luiza Jorge, da Academia de Arte e Cultura e organizadora do evento, ressaltou a importância do apoio e patrocínio da iniciativa privada em projetos voltados à educação e à cultura e de parcerias duradouras, "o que reforça o comprometimento com o incentivo à arte como vetor de desenvolvimento e inclusão social". "Esta edição, mesmo diante das adversidades, conseguiu atrair mais de uma centena de produções de excelente qualidade", completou a produtora.

Confira abaixo a lista completa dos vencedores de cada categoria. Além do troféu, os ganhadores em 'Melhor Espetáculo Jovem', 'Melhor Espetáculo Infantil' e 'Prêmio Sustentabilidade' receberam R$ 10mil. Já as demais receberam R$ 5 mil cada.

AUTORIA DE TEXTO ORIGINAL

Fernanda Gama, Space Invaders

AUTORIA DE TEXTO ADAPTADO
Angelo Brandini, Henriques

DIRETOR

Cristiane Paoli Quito,
Skellig e Histórias de Alexandre

CENOGRAFIA
Marisa Bentivegna, Gagá, Buda e Skellig

FIGURINO

Fause Haten, O Dragão de Fogo

ILUMINAÇÃO

Grissel Piguillem, A Princesinha Medrosa

TRILHA MUSICAL ORIGINAL

Jonathan Silva, Eleguá, Menino e Malandro

TRILHA MUSICAL ADAPTADA

Felipe Gomes Moreira e Thomas Huszar, Histórias de Alexandre

MELHOR ATOR

Fabricio Licursi, Skellig

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Esio Magalhães, O Dragão de Fogo

MELHOR ATRIZ

Thais Pimpão, Vou-Eu

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Melissa Teles Lôbo, João o Alfaiate – Um Herói Inusitado

REVELAÇÃO

Marcello Airoldi – Autor/Mequetrefe Sorrateiro

PRÊMIO ESPECIAL

Grupo 59 de Teatro, pelo domínio criativo dos recursos de narração de histórias do espetáculo Histórias de Alexandre 

MELHOR PRODUÇÂO

XPTO, Grandes Verdades num Copo Cheio de Vento

MELHOR ESPETÁCULO INFANTIL

O Dragão de Fogo

MELHOR ESPETÁCULO JOVEM

Buda

PRÊMIO DE SUSTENTABILIDADE

Cia. La Leche, por encenar o espetáculo Salve, Malala! como um libelo em defesa da igualdade dos sexos, do direito à educação e do acesso irrestrito às escolas


Sobre a Coca-Cola FEMSA

Coca-Cola FEMSA, SAB de C.V produz e distribui Coca-Cola, Fanta, Sprite, Del Valle, Schweppes e outras bebidas do portfólio da The Coca-Cola Company em 10 países: México (uma parte substancial da região central, incluindo a Cidade do México, bem como sudeste e nordeste do país); Guatemala (Cidade da Guatemala e região metropolitana); Nicarágua (todo o país); Costa Rica (todo o país); Panamá (todo o país); Colômbia (maior parte do país); Venezuela (todo o país); Brasil (parte do país); Argentina (Buenos Aires e arredores) e Filipinas (todo o país).

A empresa, maior franquia do sistema Coca-Cola no mundo, também engarrafa e distribui água, sucos, chás, isotônicos, cervejas e outras bebidas em alguns desses territórios. Ao todo, possui 63 fábricas e 327 centros de distribuição, atendendo mais de 358 milhões de consumidores por meio de aproximadamente 2,8 milhões de pontos de vendas e conta com mais de 120 mil funcionários em todo o mundo.

No Brasil está presente como Coca-Cola FEMSA Brasil em 48% do território nacional, empregando cerca de 20 mil funcionários e atendendo mais de 88 milhões de consumidores, distribuídos nos estados de São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e em parte do estado de Goiás. No país, conta com uma estrutura de 44 centros de distribuição, 24 Cross Dockings e 21 Cross Trucks, sendo a unidade de Jundiaí (SP) a maior no mundo em volume de vendas em produtos Coca-Cola.

Fonte/Foto-reprodução/divulgação: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário